A TIM liberou a cobrança de envio de mensagens SMS enquanto o WhatsApp estiver suspenso em todo o território nacional. De acordo com um comunicado da operadora em sua página no Facebook, a novidade vale para todos os clientes, independente do plano contratado.

O aplicativo foi bloqueado nacionalmente desde às 14h desta terça-feira, dois de maio, como parte de uma decisão do juiz, Marcel Montalvão, o mesmo que pediu o bloqueio do serviço de mensagens há quatro meses. O serviço foi suspenso por não abrir dados sobre uma investigação em curso na comarca de Lagarto, em Sergipe, por suposto crime de tráfico de drogas.

O primeiro bloqueio que foi de apenas 48 horas no dia 17 de dezembro de 2015, acabou sendo liberado no mesmo dia em que foi suspenso, por ordem do desembargador Raimundo Nonato da Costa Alencar, do Tribunal de Justiça de Piauí. Para o desembargador não havia porque milhões de usuário serem afetados com a medida.

Com a suspensão, algumas marcas e consumidores adotaram o Telegram como novo aplicativo de troca de mensagens que funciona praticamente como o WhatsApp. A marca de joias Antonio Bernardo foi uma delas, que até domingo fornecia o seu número de WhatsApp para contato com os clientes e agora passa a utilizar o Telegram como novo meio de comunicação em seu site.

TIM, SMS, WhatsApp, Aplicativo