Ser mais que um player de música é um objetivo que vem moldando o formato do Spotify nos últimos anos. Agora, além das faixas, playlists e podcasts, os usuários do aplicativo podem encontrar, na tela inicial, recursos visuais desenvolvidos para incrementar o mecanismo de sugestão de conteúdos.

Estes recursos incluem vídeos curtos, de execução automática, relacionados à podcasts sugeridos pelo Spotify e fotos temáticas, que tem por intuito informar sobre playlists recomendadas aos ouvintes. Os novos recursos exploram elementos bem-sucedidos outras plataformas, como o TikTok, o Instagram e o YouTube – três favoritas no tema criação de conteúdo.

A similaridade não é mero acaso: transformar o Spotify em uma ferramenta atrativa para creators é um antigo desejo de Daniel Ek, CEO da marca, que afirmou, em 2021, ter a esperança de abrigar 50 milhões de criadores de áudio na plataforma.

No entanto, as pretensões do CEO podem esbarrar em um grande obstáculo: a opinião pública. Considerado um tocador de música eficiente pela fluidez de sua interface, a plataforma ainda enfrenta uma grande dor de cabeça ao tentar organizar os recursos na tela de modo a não sufocar a principal função do aplicativo, que continua sendo seu principal motivo de existência.

Stream On

O Spotify reuniu artistas e influenciadores no evento Stream On, realizado em Los Angeles. O evento buscou informar as novidades da plataforma para que eles possam estabelecer uma carreira, prosperar e ampliarem sua criatividade. O Spotify iniciou o Stream On aumentando a descoberta, revelando uma interface reimaginada que inclui novos recursos visuais e um design completamente inédito e interativo – tudo para conduzir conexões mais profundas e duradouras entre o criador e os ouvintes.  

O novo Spotify será implementado em etapas para nossos mais de 500 milhões de usuários ativos mensais a partir de hoje. Aqui está o que se pode esperar: 

– Com Smart Shuffle, estamos apresentando uma nova maneira de incluir músicas que complementam perfeitamente uma playlist existente com apenas o toque de um botão.

– Basta tocar nos Subfeeds de Música, Podcast e Programas ou Audiolivros para explorar prévias de playlists, playlists, álbuns, episódios de podcasts e audiolivros personalizadas para cada usuário.

– Novos feeds para descoberta na ferramenta de pesquisa permitirão que os usuários rolem para cima ou para baixo para explorar clipes curtos de faixas de alguns de seus gêneros favoritos – tornando ainda mais fácil descobrir novos favoritos.

– Visualizar faixas em algumas de suas playlists favoritas, como Discover Weekly e Release Radar, New Music Friday ou RapCaviar.

– Assim como na música, o Spotify agora terá Reprodução Automática para Podcasts – quando um podcast terminar, outro episódio começará a ser reproduzido automaticamente, e acordo som o gosto do usuário e relevante.

– DJ: Spotify também revelou recentemente DJ, um novo guia de Inteligência Artificial personalizado que transforma a forma como os ouvintes escutam e descobrem a música que amam.

Spotify também apresentou um conjunto de ferramentas que ajudam os artistas a encontrar os fãs que mais amam suas músicas. Aqui estão alguns dos novos recursos que eles encontrarão em breve na seção Campanhas do Spotify for Artists: 

– Marquee é uma recomendação patrocinada em tela cheia de um novo lançamento, focada em alcançar ouvintes que demonstraram interesse na música de um artista. Em média, o Marquee é 10 vezes mais rentável em fazer com que os ouvintes escutem música no Spotify do que anúncios nas plataformas de redes sociais mais populares.

– Discovery Mode é uma ferramenta por meio da qual os artistas e suas equipes identificam as músicas prioritárias e o Spotify adiciona esse sinal aos algoritmos que moldam as sessões de escuta personalizadas. Hoje, o Discovery Mode está disponível diretamente no Spotify for Artists e acessível a uma ampla gama de artistas e suas equipes, incluindo milhares de artistas e gravadoras distribuídos independentemente.

– Showcase é um cartão móvel no novo feed e apresentará a música de um artista – seja um novo lançamento ou catálogo – para prováveis ouvintes. A novidade está em fase de testes com artistas e gravadoras.

A companhia também compartilhou mais detalhes sobre a próxima linha de receita que pode ajudar os artistas a crescer: merchandise e eventos ao vivo. 

– As novas ferramentas Concert e Merch Discovery ajudarão a garantir que os frequentadores de shows nunca percam outro show. Os ouvintes começarão a ver ofertas de produtos e listas de shows em muito mais lugares do aplicativo. Se um programa chamar a atenção de um fã, ele pode tocar em um novo botão ‘interessado’ para salvar a lista em seu próprio calendário no Feed de Eventos ao Vivo. Os usuários podem ajustar sua localização e procurar shows em todo o mundo, todos personalizados ao seu gosto.

– O Spotify também está expandindo seu programa Fans First para incluir mais artistas, garantindo que os principais ouvintes recebam e-mails e notificações que lhes dão acesso especial a pré-vendas de shows e produtos exclusivos.

Spotify também revelou novos recursos e expansões de produtos, permitindo que mais artistas se expressem de novas maneiras e criem buzz entre os fãs, incluindo: 

– Spotify Clips, que permite aos artistas adicionar vídeos de 30 segundos a seus perfis de artista e páginas de álbuns, para que os fãs possam se aprofundar em suas histórias enquanto escutam; e

– Countdown Pages, que fornecem espaço dedicado no perfil de um artista e no feed inicial do Spotify para os fãs fazerem o pre-save de álbuns, ver vídeos exclusivos, encomendar produtos antecipadamente, visualizar listas de faixas e acompanhar a contagem regressiva para um novo lançamento.

Leia também: Spotify lança DJ, ferramenta que utiliza inteligência artificial para recomendar músicas