O calendário comercial de 2022 foi um pouco mais desafiador para as marcas, afinal, na reta final do ano foram concentradas importantes datas: Black Friday, Copa do Mundo e as tradicionais festas de fim de ano. O comportamento do consumidor ditará o ritmo das ações. Quase nove a cada 10 usuários de internet brasileiros procuram informações antes de comprar online. Esse comportamento visa buscar melhores oportunidades, ofertas e descontos e tende a ser ainda mais forte no último trimestre de 2022.

Segundo a Kantar IBOPE Media, dois importantes insights relacionados ao consumidor e a publicidade estarão em alta, como contou no estudo “Black Friday e o E-commerce no centro do jogo”:

Consumidor digital

Toda essa movimentação e relação com a busca por informações faz com que muitos brasileiros tenham no e-commerce um hábito frequente em suas vidas. Entre os usuários de internet, 75% costumam adquirir produtos ou serviços online, sendo que 29% afirmam ter o hábito de fazer compras toda semana. Entre os principais motivos que levam o consumidor a comprar nesse ambiente estão preço (54%), entrega rápida (34%), facilidade de encontrar os produtos desejados (27%), variedade de pagamentos (22%) e taxa de entrega (21%). Em média, os usuários tendem a gastar R$ 717 em produtos online, e 49% pagam com cartão de crédito.

Publicidade em alta

A intensa busca por informações online também contribui para o aumento dos gastos com publicidade. No primeiro semestre de 2022, foram investidos R$ 14,7 bilhões no ambiente online. É válido destacar que 75% dos usuários de internet brasileiros são favoráveis às propagandas digitais. O interesse pela publicidade se evidencia com as altas taxas de cliques (68%) e a conversão de vendas (41%) entre aqueles que clicaram.

Leia também: 5 vantagens das soluções omnichannel para a Black Friday