Marketing com R$ 100,00? Enlouqueceu? Não! 17 de abril de 2007

Marketing com R$ 100,00? Enlouqueceu? Não!

         

Marketing com R$ 100,00? Enlouqueceu? Não!

Publicidade

<p><strong>Marketing com R$ 100,00? Enlouqueceu? Não!</strong></p><p>Por Kelly Gomes*</p><p>O que foi? Que cara é essa? Falo sério! Quem disse que não dá para fazer marketing com R$ 100,00? Dá sim e nem precisa obrigar o “Tico “ a fazer hora extra e nem escravizar e chicotear o “Teco” até que num último suspiro ele solte alguma solução que caiba no seu bolso e seja eficaz.</p><p>Pensar fora da caixinha com certeza é o caminho para o Marketing de Baixo Custo, porém, não é sempre que estamos inspirados, e aí, a saída é a informação: ler muito, estar por dentro de tudo que custa pouco e pode ajudar-nos a alavancar enquanto profissional liberal ou enquanto empresa.</p><p>Um Blog, por exemplo, custa R$ 0,00 (zero real). É isso mesmo, não custa nada criar um Blog e hospedá-lo, e a capacidade dele para fortalecer a marca da empresa ou do profissional, criar um canal de comunicação mais próximo entre o cliente e a empresa ou valer-se como vitrine de vendas e disseminar promoções, é enorme. Mas sabe quantas empresas utilizam esse recurso no Brasil? Menos de 3%, segundo pesquisa da Rapp Collins. </p><p>Outra saída para um marketing de Baixo Custo é a troca de links, prática que também custa R$ 0,00 ( zero real ). É simples: basta o profissional ou a empresa pesquisar os sites que têm sinergia e propor uma troca de links. Cada um coloca o link do outro no site, aumentando assim o tráfego de ambos e a probabilidade de fechar novos negócios.</p><p>Como assim? Lojas virtuais de cosméticos podem trocar links com clínicas de estética, por exemplo. Concorda que os dois têm praticamente o mesmo público? Gente querendo ficar mais bonita.</p><p>Agora, valendo algum investimento em dinheiro, transforme pessoas em “Caçadores do Cliente Perdido” em troca de um complemento significante de salário na vida delas. Joe Girard, o maior vendedor de carros do mundo fazia isso: cada cliente dele que indicasse um outro cliente ganhava um valor acordado, cada barbeiro da cidade que indicasse um cliente pra ele ganhava um valor acordado, cada açougueiro…. </p><p>Aí você vai dizer: “ahhh, mas isso eu já faço”. E eu pergunto: “Mas você tem um “papel” explicando como funciona todo o processo, porcentagem, explicando inclusive a forma de pagamento”? Um “papel” que transforma o favor da indicação em uma atividade de complemento de renda? A partir do momento que as pessoas perceberem que o que elas fazem por você na verdade é por elas, elas farão com muito mais empenho, principalmente se elas encararem como um complemento de orçamento que não lhes toma tempo, somente a língua.  </p><p>Quanto custa uma cartinha explicativa? Tempo dispensado com o Word, a impressão e xérox. Se for R$ 0,20 a folha (aqui perto da KG 8 custa isso ), faça de início umas 200 cópias, com um investimento de R$ 40,00.</p><p>E para concluir o investimento de acordo com o título, gaste os outros R$ 60,00 em links patrocinados. Prática que você só paga quando clicarem em seu anúncio. E que saber o melhor de tudo? Você decide quanto quer pagar por clique. Quer mais?</p><p>* kelly Gomes é especialista em Comunicação e Marketing de Baixo Custo e tem experiência nacional e internacional em ambas as áreas. Com MBA em Comunicação Executiva com ênfase em Marketing pela ESPM, trabalhou para a HSM desenvolvendo trabalhos de Comunicação Integrada para grandes nomes do management mundial como Peter Drucker, Tom Peters, Philip Kotler, C.K. Prahalad, Alvin Toffler, Anita Roddick, William Ury, entre outros. Hoje, além de estar a frente da consultoria KG 8, escreve artigos e dá palestras sobre o assunto.<br />Acesse: <a href="http://www.kg8.com.br" target="_blank">www.kg8.com.br</a> <br />Contato: <a href="mailto:kelly@kg8.com.br">kelly@kg8.com.br</a></p><p><span class="texto_laranja_bold">Leia também</span><br /><a href="../2006/ver_reportagens.asp?cod=203" target="_blank">Como fazer marketing sem gastar quantias exorbitantes</a> <br /><a href="../2006/ver_reportagens.asp?cod=236" target="_blank">Como convencer o seu chefe a investir em marketing?</a> <br /><a href="../2006/ver_reportagens.asp?cod=123" target="_blank">Mais resultado com menos custo</a> <br /><a href="../2006/ver_reportagens.asp?cod=179" target="_blank">Seu planejamento estratégico pode estar furado</a> </p>


Publicidade