O mercado imobiliário se utiliza de diversas técnicas para vender ou alugar imóveis. Boas condições de venda e preços menores são algumas dessas estratégias. Um conceito recorrente do setor, no entanto, é o de home staging, que consiste na transformação de um imóvel por meio da decoração, com o objetivo de oferecer mais vida, cor e humanização aos empreendimentos.

De acordo com um levantamento de 2021 feito pela National Association of Realtors, 82% dos corretores imobiliários percebem que o home staging torna mais fácil para que o comprador idealize um imóvel à venda como uma futura casa. A consequência disso é que 53% destes profissionais acreditam que essa estratégia abrevia o tempo de um empreendimento no mercado.

Case AG7: Atuando somente na comercialização de empreendimentos novos, a empresa utiliza o home staging não só como uma ferramenta de incentivo e facilitação da venda, mas também para a fidelização de stakeholders. Para garantir a qualidade desse processo, a incorporadora trabalha em parceria com alguns dos grandes nomes da arquitetura nacional, como por exemplo: Elaine Zanon, do Arquitetare.

Essa parceria ocorreu no ano passado, quando a AG7 contou com a participação de Elaine Zanon, para realizar um projeto especial que acabou impactando positivamente nas vendas do AGE360, empreendimento localizado em Curitiba que é certificado com o selo Fitwell como um dos prédios mais saudáveis do mundo.

Segundo Andressa Gulin, vice-presidente da AG7, a união com esses profissionais acaba sendo de suma importância para evidenciar ao público todo o potencial dos imóveis da marca. “É uma troca incrível e uma ótima solução para entender e deixar clara a versatilidade e as possibilidades que as nossas plantas exclusivas oferecem”, declara a executiva.