IA generativa é essencial para a rotina de 75% dos líderes de Marketing, aponta Canva Bruno Mello 19 de setembro de 2023

IA generativa é essencial para a rotina de 75% dos líderes de Marketing, aponta Canva

         

Taxa de aceitação à tecnologia no setor é impulsionada, principalmente, pelos benefícios observados sobre a produtividade e a criatividade quando ferramentas de IA são utilizadas

IA generativa é essencial para a rotina de 75% dos líderes de Marketing, aponta Canva
Publicidade

A transformação do Marketing através da Inteligência Artificial (IA) está alcançando patamares de aprovação quase unânimes entre os profissionais do setor. Atualmente, três quartos dos líderes de Marketing e criação veem a IA generativa como parte essencial das suas ferramentas criativas, e 98% se dizem confortáveis com a ascensão operacional dessas ferramentas, aponta uma nova pesquisa divulgada pela plataforma Canva.

A explicação para tamanha aceitação pode ser facilmente detectada em olhar prático sobre as aplicações da IA em diversos aspectos da rotina dos profissionais de Marketing. Para a maioria dos entrevistados (78%), as ferramentas alimentadas por Inteligência Artificial reduzem o número de tarefas repetitivas e possibilitam maior concentração nas partes mais criativas e empolgantes dos seus cargos.

Além disso, 64% dizem que as ferramentas de IA generativa estão aumentando a criatividade das suas equipes e 69% dizem que as ferramentas estão economizando pelo menos de duas a três horas por semana – neste recorte, mais de um terço (36%) das equipes economizam entre quatro e cinco horas por semana em projetos criativos.

Dentre os usos da IA no campo criativo, a maioria (79%) empregou o recurso para criar conteúdo escritos ou gerar imagens únicas (79%), atividade seguida de perto pela edição de imagens e vídeos (78%). No entanto, mesmo com toda a capacidade demonstrada pela tecnologia, menos da metade (45%) acredita que as ferramentas de IA generativa serão melhores do que os humanos na criação de imagens visuais dentro de um período de cinco anos.

Preocupações e contratempos

Publicidade

Relevante, um grupo minoritário da amostra (22%) considera que as ferramentas de IA generativa estão limitando a criatividade das suas equipes. Neste recorte, a objeção mais comum feita pelos líderes de Marketing (54%) se baseia na percepção de que a Inteligência Artificial impede o desenvolvimento de ideias originais.

Outros grupos entrevistados classificaram o ecossistema da IA como “fragmentado e complexo”. Tal percepção é impulsionada por mais de dois terços (70%) da amostra, grupo formado por profissionais que acreditam que já existem ferramentas de IA generativa demais. Ainda neste grupo, 68% dos respondentes se dizem sobrecarregados pela curva de aprendizado exigida pelas novas ferramentas.

Logo, embora a maioria dos profissionais de Marketing demonstre entusiasmo quanto às oportunidades de aumentar a criatividade com o auxílio da IA generativa, 54% se sentem pressionados a utilizá-la para acompanhar as mudanças e quase metade (49%) afirma não saber como aproveitar ao máximo a tecnologia.

Finalmente, as preocupações com a privacidade dos dados persistem. A maioria dos entrevistados classificou como as suas principais preocupações os riscos dos dados da empresa (79%), dos dados dos clientes (78%) e dos dados pessoais (77%) em vez da perda de emprego, do plágio e do preconceito.

As citadas preocupações não passaram despercebidas, e as empresas estão endereçando esses riscos. De acordo com a pesquisa, mais da metade (55%) dos profissionais afirmam que as suas empresas estabeleceram diretrizes rigorosas para a utilização da IA generativa.

Para realizar a pesquisa, o Canva entrevistou 4050 líderes empresariais em cargos de Marketing e criação – 524 no Brasil, 505 nos Estados Unidos, 500 no Reino Unido, 513 na Espanha, 503 na Alemanha, 497 na França, 315 no México, 377 na Índia e 316 na Austrália.

Leia também: Dá para voltar a fazer Marketing Digital sem o apoio da Inteligência Artificial?


Publicidade
Amazon Prime Day