Mídia programática poderá ser utilizada nas salas de cinema Bruno Mello 4 de junho de 2024

Mídia programática poderá ser utilizada nas salas de cinema

         

Integração entre Google, Magnite e Flix Media permitirá que anunciantes contem com maior cobertura e flexibilidade nas estratégias de negócios

Mídia programática poderá ser utilizada nas salas de cinema
Publicidade

O Google fechou uma parceria com a Flix Media para levar a mídia programática para o cinema. Agora, os anunciantes agora podem exibir seus anúncios digitais em mais de duas mil salas de cinemas em todo o Brasil. A chegada do inventário de cinema ao Display&Video 360 (DV360) será possível por meio da Magnite, que vai operar como SSP (sell-side platform).

A partir dessa integração, os anunciantes que optarem por apostar no Projeto Halley, iniciativa que usa a inteligência artificial do Google para tornar as campanhas eficientes por meio do DV360. Lançado em 2023, o Projeto Halley, batizado em homenagem ao famoso cometa que pôde ser visto a olho nu, unifica esforços em YouTube, TV Conectada, Digital Out-of-home (DOOH) e diversos formatos de vídeo, áudio, display, e agora cinema, em uma só plataforma integrada.

Além de acesso ao inventário de vídeo premium da Flix Media, a integração ainda permite acompanhamento de campanhas e ativações, e correções de rotas, caso seja necessário. A integração via mídia programática também responde aos anseios do mercado publicitário no que diz respeito a digitalização e métricas de mensuração.

Para Breno Barcelos, líder de produtos para DV360 no Google Brasil, o inventário marca um novo capítulo para anunciantes e agências que agora podem potencializar o alcance e a sinergia com os demais formatos disponíveis a partir de uma solução omnicanal.

Leia também: Rich media: a revolução na publicidade digital

Publicidade

Clube Mundo do Marketing


Publicidade