Web muda o comportamento das crianças 22 de março de 2010

Web muda o comportamento das crianças

         

Crianças brasileiras são as que mais acessam a internet

Publicidade

<p>As crianças brasileiras, de 4 a 12 anos, são as que mais acessam a internet no mundo, segundo pesquisa realizada pela Millward Brown Brasil em 12 países. Aqui, elas passam 13 horas conectadas principalmente jogando on-line. Ainda assim, a televisão continua sendo o principal canal de formação de marca para elas, com 42% contra 11% da internet. Com a web, as crianças se tornam multiplataforma e superconectadas. O desafio das marcas é chamar atenção delas com uma experiência divertida. <br /> <br /> O estudo brasileiro envolveu oito grupos de discussão, formados por mães e crianças das classes ABC.  Hoje, o brinquedo divide espaço com a internet e o celular. O diário virou blog e não são mais os pais que escolhem o que as crianças compram, mas elas próprias. Assim como a TV, todos querem ter o seu computador no quarto, o que na classe C é aspiracional. Quando o assunto é rede social, os pré-adolescentes são a maioria por a utilizarem como convívio.</p>


Publicidade