Últimas Notícias

Publicidade
Publicidade
Digital

Rede de supermercados da Rússia testa pagamentos por reconhecimento facial

Tecnologia ganha reforço por conta do distanciamento social necessário e motivado pela pandemia da Covid-19

Por Redação - 01/04/2021

A pandemia acelerou a tecnologia dos “pagamentos contactless“, aqueles que ocorrem por proximidade e sem a necessidade de toques. Um dos exemplos vem da Rússia, onde a rede de supermercados X5 se uniu à Visa e ao banco Sberbank para colocar a tecnologia de pagamentos por reconhecimento facial em teste. 

A ferramenta funciona da seguinte maneira: o cliente realiza um cadastro prévio e, ao finalizar a compra, ele se posiciona em frente a uma câmera nas lojas para que o seu rosto seja reconhecido e autorizado o pagamento para a compra. A tecnologia empregada utiliza uma câmera 3D para evitar que, por exemplo, uma pessoa mal intencionada use uma foto de alguém para realizar as compras ou ter acesso aos dados de terceiros. 

Veja no vídeo abaixo como funciona a tecnologia nessas lojas:

 

Por enquanto, 52 lojas da rede X5 já empregaram a novidade e a ideia é de que até o final de março ela chegue a todos os 150 pontos de venda, com este modelo de pagamento. 

Uma iniciativa semelhante já acontece na China, conhecida pelo seu varejo futurista e em constantes testes de aperfeiçoamento. A rede chinesa Zhou Hei Ya aposta neste modelo de pagamento por reconhecimento facial em uma parceria com o Super App WeChat, mensageiro instantâneo e multiplataforma chinesa que colabora na integração dos pagamentos. 

 

Em 2017 a tecnologia já era empregada em testes realizados em outro setor. Em Pequim, capital do país asiático, a rede KFC apostou no reconhecimento facial como ferramenta para a compra de refeições, em um projeto realizado em conjunto com a desenvolvedora Baidu. 

Cielo e startup se únem para realizar testes no Brasil

No Brasil, quem dá um primeiro pontapé neste sentido é a Cielo, em um projeto realizado em conjunto com a startup Payface, de Santa Catarina. A plataforma desenvolvida pelos sócios Ricardo Fritsche e Eládio Isoppo recebeu o aporte da multinacional para implementação, que agora está em testes em São Paulo. Em entrevista à Forbes, Paulo Caffarelli, presidente-executivo da empresa de serviços financeiros, não esconde a intenção de levar a tecnologia, no futuro, para os supermercados. 

Payface

Plataforma está em testes em São Paulo. FOTO: Payface

Este conteúdo foi publicado originalmente no blog APAS Show, maior evento de bebidas e alimentos da América Latina.

Siga as redes da APAS Show

Instagram

LinkedIn

Facebook