Brasileiro está mais interessado na leitura dos rótulos de alimentos | Mundo do Marketing

Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Últimas Notícias

Brasileiro está mais interessado na leitura dos rótulos de alimentos

Mulheres são as mais engajadas na procura de informações a respeito dos ingredientes que compõem os produtos. Quanto mais renda, maior o interesse sobre a composição do alimento

Por | 03/08/2017

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

Mais da metade dos brasileiros (56,9%) está mais consciente sobre a alimentação e lendo os rótulos dos produtos ao realizar uma compra. A informação é do recente estudo "Alimentação Saudável", conduzido pela Pesquisas.com.br e realizado em conjunto com a OpinionBox.

As mulheres são maioria (62,8%) entre os consumidores engajados na leitura de embalagens de alimentos à procura de informações que possam tornar sua alimentação mais saudável ou evitar aqueles produtos que possam trazer prejuízos à saúde. A presença de corantes são os ingredientes mais procurados por elas nestas leituras (50,7%), seguida do sódio (48,4%), conservantes (38,8%), glúten (32%) e lactose (28,4%).

A pesquisa também verificou que o aumento na renda do consumidor afeta seu interesse em ler as embalagens para se informar sobre a composição do produto. Entre aqueles que ganham até R$ 880,00, 51,6% declarem que leem os rótulos dos alimentos. No grupo que tem ganhos entre R$ 2.641 a R$ 4.400 o percentual chega a quase 65% e entre os integrantes com renda superior a R$ 13.000,00 ele chega a 73,9%. O maior índice de resistência à leitura das embalagens de alimentos está no segmento com menores ganhos, até R$ 880,00 (9,4% dos entrevistados dentro desta margem declaram que não tem e nem gostariam de ler rótulos ao comprar alimentos).

O levantamento entrevistou 1.962 pessoas que consideram que têm poucos ou muitos hábitos saudáveis, sendo 57% mulheres. A maioria absoluta (72%) tem renda familiar até R$ 4.000,00 e a maior parte dos respondentes têm entre 25 e 39 anos (67%). Foram entrevistadas pessoas das cinco regiões do Brasil, impactando moradores de 526 cidades.

Leia mais: Preocupação com os hábitos saudáveis aumenta de acordo com a faixa etária.

Comentários


Acervo

Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2018.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss