Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Últimas Notícias

Economias emergentes têm maior preferência por produtos sustentáveis

Impacto social e ambiental das marcas é fator decisivo para 30% dos consumidores, mostra pesquisa da Unilever realizada pela Europanel, no Brasil, Índia, Turquia, EUA e Reino Unido

Por | 11/01/2017

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

Mais de um terço (33%) dos consumidores preferem marcas que impactem positivamente a sociedade ou o meio ambiente. O dado é de estudo internacional encomendado pela Unilever e realizado pela Europanel, que também mostra que essa tendência é mais forte em economias emergentes do que em mercados desenvolvidos. Enquanto 53% de consumidores no Reino Unido e 78% nos EUA afirmam se sentir melhor quando compram produtos fabricados de maneira sustentável, essa porcentagem aumenta para 88% na Índia e para 85% no Brasil e na Turquia.  Foram entrevistadas 20 mil pessoas em cinco países: Brasil, Índia, Reino Unido, EUA e Turquia.

Além de confirmar a expectativa do público em relação à necessidade das empresas provocarem um impacto social e ambiental positivo, o estudo revela ainda uma oportunidade de negócio para as companhias que investirem nessa tendência: 21% dos entrevistados disseram que escolheriam marcas que comuniquem melhor suas credenciais de sustentabilidade em embalagens e campanhas de marketing. Isso representa uma oportunidade potencial inexplorada de €966 bilhões em relação a um mercado total de bens sustentáveis, estimado em €2,5 trilhões. 

A escala dessa oportunidade é confirmada pelo desempenho das marcas sustentáveis da Unilever - aquelas que tem um propósito social e/ou ambiental. Marcas como Dove, OMO, Hellmann´s, Lifebuoy, VIM e Ben & Jerry´s crescem, juntas, 30% mais rápido que o restante do negócio e entregaram quase metade do crescimento global da companhia em 2015.

O estudo identifica dois motivos prováveis pelo maior engajamento do consumidor em economias emergentes: a exposição direta ao impacto negativo de práticas empresariais insustentáveis - como falta de água e energia, escassez de alimentos e qualidade de ar inferior -; e o poder de influência de familiares, amigos e filhos para a compra de produtos mais verdes e socialmente responsáveis.

No Brasil aumenta cada vez a preocupação com ações que respeitam o meio ambiente, como mostra a reportagem "Sustentabilidade: impactos ambientais tornam o consumidor mais exigente", realizada a partir do Índice de Consumo Consciente brasileiro, realizado em parceria entre o Mundo do Marketing, a Dia Comunicação e a Opinion Box.

Comentários


Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2015.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2017. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.