Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Últimas Notícias

Loyalty 3.0 e a evolução dos programas de incentivo B2B

Já pensou em criar ações para engajar funcionários, clientes e parceiros? Saiba que o relacionamento B2B pode ser conquistado com programas de incentivo baseados no Loyalty 3.0

Por | 20/10/2016

publicidade@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

O Loyalty 3.0 permite um nível avançado de estratégias para programas de incentivos. A compreensão da motivação humana e a aplicação de recursos inovadores de atração e fidelização de clientes são partes essenciais do novo conceito criado por Rajat Paharia.

Engana-se quem pensa que engajamento e fidelização estão relacionados apenas às ações de marketing para o consumidor final. O relacionamento B2B também pede uma visão moderna, com projetos que compreendam o participante. Algumas empresas, como Sirona, referência mundial no desenvolvimento de soluções para o segmento odontológico, e Michelin, uma das maiores empresas do segmento de pneus, já entenderam essa necessidade e colhem os frutos.

Mas como o Loyalty 3.0 pode aumentar os resultados das ações de engajamento e otimizar os investimentos com iniciativas de relacionamento B2B? "A relação custos versus eficiência é o melhor argumento para convencer uma empresa a fazer a gestão de relacionamento com base no Loyalty 3.0. Afinal, são anos e anos de gastos com programas caros, que não atingem as expectativas ou os objetivos traçados pelas empresas", responde Rafael Assunção, CEO da Valuenet Incentive Solutions.

Para entender o que a Valuenet propõe, criamos o Checklist: Como colocar em prática um programa de incentivo para iniciantes em programas de Loyalty. O material apresenta diversas questões para instigar as empresas a pensarem diferente. Isso inclui o planejamento de ações mais econômicas, se comparadas com as práticas atuais. E também mais efetivas, desde a definição de objetivos até o uso de KPIs (Key Performance Indicator) e de sistemas adequados.

Os 3 pilares do Loyalty 3.0
Para entender os três pilares que compõem a evolução do Loyalty, precisamos entender como foi o amadurecimento desse conceito. Inicialmente, os programas de relacionamento baseados no Loyalty 1.0 não conseguiam se sustentar a longo prazo, pela falta de instrumentos de mensuração e de análise de dados. Com o tempo, as estratégias foram sendo baseadas na segmentação e personalização, tendo como diretriz o estudo do público-alvo. Esse modelo seria o Loyalty 2.0. Atualmente, chegamos a um patamar inovador, que reúne estudo de personas, Big Data e Gamificação - o Loyalty 3.0.

O Loyalty 3.0 possibilita a criação e a gestão de programas de relacionamento que possam ser mensurados, revistos e realimentados. Mas tudo isso, é claro, depende da escolha de ferramentas certas para a campanha de incentivo e de especialistas na análise de dados e de estratégias.

Relacionamento com o cliente em seis grandes pontos
Seis grandes tópicos norteiam esse relacionamento: objetivos, público-alvo, expectativas, premiações, KPIs e orçamento. No Checklist, apresentamos comentários sobre cada item e seus pontos de atenção. Com isso, buscamos promover uma análise crítica dos programas de incentivo atuais e mostrar que é possível conduzir ações com investimentos mais baixos e resultados mensuráveis. 





Comentários


Acervo

Publicidade

Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2015.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss