Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Últimas Notícias

Marketing orientado por dados é considerado vital para negócios

Segunda edição do estudo The Global Review of Data-Driven Marketing and Advertising, com empresas e anunciantes de 17 países, reafirma alto grau de importância da ferramenta

Por | 09/12/2015

bianca.ribeiro@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

Oito em cada 10 gestores no mundo afirmam que o Marketing Orientado por Dados é muito importante para seus negócios. O dado foi levantado na segunda edição do estudo global The Global Review of Data-Driven Marketing and Advertising, que consultou três mil profissionais de marketing que atuam em diversos segmentos em 17 países. A pesquisa tem como objetivo ajudar os profissionais a entender e agir de acordo com as oportunidades​​, desafios e a dinâmica do mercado. Coordenada pela Associação Brasileira de Marketing Direto (ABEMD) no Brasil, a pesquisa coloca o país como o maior com relação ao número de respondentes: 523.

O crescimento dos investimentos em Marketing orientado por dados no Brasil durante 2014 continuou a aumentar, inclusive, em taxas maiores que as médias globais. Assim como lá fora, as verbas continuam a fluir e os entrevistados confiam que continuará assim no próximo ano. Os canais digitais (experiência do usuário em websites e e-commerce, mídias sociais, publicidade display digital e móvel), tiveram taxas de crescimento do investimento ultrapassando as médias globais.

Dos consultados brasileiros, 73,3% declararam que dados são importantes para seus esforços de publicidade e Marketing e 83,6% disseram que vão ficar ainda mais importantes. Em relação aos fatores impulsionadores e inibidores do crescimento da atividade, os brasileiros destoaram apenas no quesito "condições econômicas gerais", onde manifestaram um claro temor de que a situação da economia brasileira possa afetar o desempenho do marketing orientado por dados.

A pesquisa online foi realizada entre julho e setembro de 2015 pelas associações de marketing nos seguintes países: Argentina; Alemanha; Austrália; Bélgica; Brasil; Chile; Cingapura; Estados Unidos; França; Holanda; Hong Kong; Hungria; Índia; Itália; Nova Zelândia; Reino Unido; Suécia. Veja as principais conclusões:

O consumidor é o rei - Pelo segundo ano consecutivo, os respondentes globais disseram que seu desejo de estarem "focados no consumidor" está impulsionando seus esforços de Marketing orientados por dados mais do que qualquer outra prioridade. E mais de 90% dos entrevistados disseram que seus esforços estão pelo menos parcialmente focados em "manter os bancos de dados de consumidores". Outra grande maioria de entrevistados (90,2%) disseram estar focados em implementar um segmentação para dirigir melhor e engajar suas audiências chave.

O otimismo continua em alta no mercado - Dos entrevistados em todo mundo, 74,1% disseram que permanecem confiantes na prática do Marketing orientado por dados e no seu potencial para futuro crescimento. Em relação aos mercados individuais, essa "maioria confiante" cresceu em apenas um país, Alemanha.

Verbas continuam a fluir para o Marketing orientado por dados - Mais de metade (56,3%) dos entrevistados disse que este ano aumentaram seus investimentos anuais em DDMA, embora a extensão desses gastos tenha caído levemente quando comparada ao benchmark similar relatado no ano passado. Quando se pediu aos entrevistados para ilustrar seus investimentos em DDMA usando uma escala de um a cinco (com cinco indicando que os investimentos aumentaram significativamente quando comparados ao ano anterior), eles atribuíram ao crescimento das verbas uma taxa de 3,61, levemente abaixo da taxa de crescimento relatada no ano passado, 3,82. 

Pesquisa, Marketing, dados

Comentários


Publicidade

Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2018.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss