Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Últimas Notícias

Setor de eletroeletrônicos está em alta em 2014

Faturamento cresceu 21% entre janeiro e julho, se comparado ao mesmo período do ano passado. Destaque ficou com smartphones (74%), tablets (48%) e TVs (45%)

Por | 26/09/2014

renata.leite@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

A Copa do Mundo e a busca constante por itens com melhor tecnologia aqueceram as vendas de eletroeletrônicos este ano, setor que registrou um faturamento 21% maior entre janeiro e julho se comparado ao mesmo período de 2013. O grande destaque ficou mesmo com os smartphones, que tiveram crescimento de 74%, seguidos pelos tablets, com 48%, e pelos aparelhos de televisão, 45%, segundo estudo da GFK. Na época do mundial de futebol, as TVs de tela fina ganharam quatro pontos percentuais de participação no mercado, em faturamento.

Já em relação ao canal, o generalista (supermercados, hipermercados, lojas de departamento e e-commerce sem unidades físicas) registraram um crescimento na participação das vendas nos sete primeiros meses do ano. A fatia dessas grandes redes aumentou cinco pontos percentuais, saltando de 27%, em igual período de 2013, para 32%. As vendas cresceram 43%, enquanto o desempenho das lojas especializadas subiu 13%.

As vendas online também ganharam expressividade, com participação em patamares equivalentes a países europeus. Em 2013, elas representaram, no Brasil, 21% do total, enquanto, na Alemanha, o resultado ficou em 24% e, no Reino Unido, em 26%. De janeiro a julho deste ano, o canal internet já subiu mais dois pontos, atingindo 23% de participação no mercado de eletroeletrônicos. Os produtos de tecnologia são alguns dos mais adquiridos via e-commerce no Brasil: o canal é responsável por 38% das vendas de foto, 32% de produtos de informática, 23% de telefonia e 22% de TVs.

O estudo mostra ainda que o brasileiro é menos fiel a varejistas (77%) quando comparado, por exemplo, a holandeses (54%) e norte-americanos (57%). A compra online contribui para acentuar essa postura: no momento de adquirir um bem pela internet, o consumidor considera, além do preço, a experiência prévia com a empresa. Esse relacionamento anterior com a marca é apontado como importante por 78% das pessoas. Já 70% consideram outras experiências com o produto e 68% com o varejista.

Eletroeletrônico, venda, GFK, TV, tablet, smartphone

Leia também: Análise do mercado de eletrônicos em 2013. Pesquisa do Mundo do Marketing Inteligência.

Linha branca | Linha marrom

 

Comentários


Publicidade

Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2018.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss