Últimas Notícias

Publicidade
Publicidade
Marca

Apple lança smartphones e relógio inteligente

iPhone ganha duas novas versões, com tamanhos diferentes e sistema próprio de pagamento, que dispensa cartões. Apple Watch atende o celular e recebe mensagens

Por Renata Leite - 09/09/2014

Após meses de muita especulação, a Apple enfim apresentou as novidades da marca no mercado de smartphones e tecnologias vestíveis. O iPhone ganha duas novas versões, a 6 e a 6 Plus, com tamanhos diferentes. As telas dos novos modelos têm 4,7 e 5,5 polegadas respectivamente, apresentando, portanto, dois tamanhos diferentes de aparelho. As duas opções são maiores do que o 5S e 5C, últimos lançamentos da marca. Elas chegam ao mercado americano a partir do dia 19 deste mês e no restante do mundo até o fim do ano.

Os smartphones também apresentam as laterais arredondadas, numa mudança de design em relação às versões anteriores.  Os novos modelos também são mais finos. O 6 conta com 6,9 milímetros de espessura e o 6 Plus, 7,1 milímetros, ambos menos do que os 7,5 milímetros do 5S. Haverá três cores disponíveis: preta, dourada e prata. A visualização das fotos também promete ficar mais nítida e com mais qualidade. A versão 6 Plus conta com a resolução Retina HD, de alta definição.

Muito se falou sobre a possibilidade de a Apple desenvolver uma tela praticamente inquebrável para o lançamento. O vidro realmente chega reforçado por íons, em uma nova tecnologia que evita rachaduras. Para completar, o botão de ligar o aparelho deixa a parte superior do gadget e migra para a lateral. Nos Estados Unidos, o iPhone 6 custará US$ 200,00 (16 GB), US$ 300,00 (64 GB) e R$ 400,00 (128 GB). Já o iPhone 6 Plus sairá por US$ 300,00 (16 GB), US$ 400,00 (64 GB) e US$ 500,00 (128 GB). Todos os valores correspondem aos preços vinculados à operadora local.

Apple Pay e Apple Watch
Outra novidade presente nos smartphones é o sistema de pagamento Apple Pay, que segundo a companhia é mais seguro e pode ser bloqueado com facilidade em caso de perda ou roubo do aparelho. A tecnologia dispensa o uso de cartões de crédito. Só é aceito, entretanto, nas lojas da marca e na Disney, até o momento. Não há perspectivas para a chegada da tecnologia no Brasil, por exemplo.

Diferentemente do que se esperava, o relógio inteligente da marca não se chama iWatch, mas Apple Watch. Assim como as demais opções do mercado, mira nos adeptos das atividades físicas e dos hábitos saudáveis. A tela do aparelho é de retina com safira. Ele será vendido por preços a partir de US$ 349,00 e só a partir do início do ano que vem. Serão três modelos diferentes de relógio, com acabamentos em diferentes materiais, como alumínio, ouro e aço.

O aparelho não só tem contador de passos e sensor de frequência cardíaca, como mostra a previsão do tempo, exibe mapas e até atende ligações telefônicas e recebe mensagens. O dispositivo só é compatível com os modelos de iPhone. O aparelho também pode ser sincronizado com o iCloud e oferece as funcionalidades de GPS, acelerômetro, giroscópio e conectividade wi-fi. Outro diferencial são as pulseiras, que podem ser trocadas pelo usuário.

Apple, smartphone, iPhone, Apple Watch, tecnologia vestível, relógio inteligente

Apple, smartphone, iPhone, Apple Watch, tecnologia vestível, relógio inteligente