Scup reúne tendências para as mídias sociais | Mundo do Marketing

Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Últimas Notícias

Scup reúne tendências para as mídias sociais

Projeto reúne 50 profissionais da área para compartilharem suas visões sobre o que pautará o mercado no próximo ano. Facebook perderá força e pressão por ROI aumentará

Por | 02/12/2013

bruno.garcia@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

A Scup reúne tendências para as mídias sociais em 2014. A plataforma convidou 50 profissionais e pesquisadores da área para compartilharem suas visões sobre o que pautará o mercado no próximo ano. Todos os apontamentos e reflexões estão reunidos no hotsite do projeto Scup Ideas. Entre as questões abordadas, estão a perda de força do Facebook no Brasil, amadurecimento de métricas e o aumento da pressão por ROI nas plataformas sociais.

A rede de Mark Zuckerberg deve enfrentar uma natural perda de usuários durante os próximos 12 meses, na opinião de especialistas. "O Facebook mostra sinais de fadiga. Jovens e adultos da Europa, e adolescentes dos Estados Unidos já tiraram férias ou declararam independência dessa rede. E como no Brasil a tendência de comportamento digital chega naturalmente, com um suave atraso, me parece bastante provável que esse cansaço de Facebook se manifeste por aqui ao longo do próximo ano", diz Ana Brambilla, Editora de Mídias Sociais da Editora Globo. 

Como as ações nas redes sociais serão mais cobradas por resultados, haverá também um amadurecimento nas métricas usadas para esta finalidade. "Smartphones e sensores distribuídos, associados a dados de geolocalização, ajudarão a gerar informações de contexto maiores e mais significativas do que aquelas a que temos acesso hoje. Mais do que quando um website é acessado, teremos pistas a respeito de onde e como, o que ajudará a determinar, em um futuro próximo, o porquê. Mais do que nunca, a análise de métricas será considerada informação estratégica, essencial para o desenvolvimento de uma melhor inteligência de mercado", explica Luli Radfahrer, Doutor em Comunicação Digital da ECA-USP.

As marcas serão bem mais racionais nos investimentos digitais. Passada a euforia, a exigência por retorno nos valores investidos será cada vez maior. "Soube de duas empresas de São Paulo que enxugaram drasticamente as equipes de redes sociais nos últimos dois meses. O motivo: social media não gerou receita e o investimento virou despesa. Acredito, portanto, que a cobrança por resultados financeiros seja a tendência para 2014", afirma Cassio Politi, Diretor de Content Marketing na Tracto. 

scup,mídias sociais,tendências

Aproveite e leia também: Os jovens brasileiros e o mundo mobile. Conteúdo exclusivo para assinantes + Mundo do Marketing. Acesse aqui.

Comentários


Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2018.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss