Brasileiros devem comprar R$ 6,5 bilhões em brinquedos | Mundo do Marketing

Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Últimas Notícias

Brasileiros devem comprar R$ 6,5 bilhões em brinquedos

Valor é 41% maior do que o registrado em 2002 e classe média responde por 49% desses gastos. Participação da região Sudeste vem caindo ao longo dos anos

Por | 11/10/2013

lilian@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

pesquisa ,brasil,DataPopular,brinquedo,gasto,Dia das Crianças,estudoOs brasileiros devem gastar R$ 6,5 bilhões com a compra de brinquedos para o Dia das Crianças em 2013, o que representa um valor 41% maior do que o registrado em 2002. A classe média responde por 49% desse número, o equivalente a R$ 3,2 bilhões com um gasto médio de R$ 115,00. A classe alta corresponde a 28% com um gasto médio de R$ 56,00 e a baixa a 23% com gasto médio de R$ 30,00.

A região Sudeste participa desse total com 52%, mas a porcentagem vem caindo, já que, em 2002, era de 59%. O crescimento da nova classe média tem sido determinante para o comércio de brinquedos, de acordo com o estudo do Data Popular. O Brasil tem hoje 38 milhões de pessoas com até 12 anos e nove em cada 10 são das classes baixa e média. O levantamento foi feito a partir da Pesquisa do Orçamento Familiar (POF) 2008-2009/IBGE com valores corrigidos pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) para agosto de 2013.

O Ibope Inteligência também estimou os gastos com brinquedos nesse ano. As compras devem movimentar R$ 6,60 bilhões, 10% a mais do que no ano passado. O maior potencial de consumo está na classe B com 44% desses gastos, o equivalente R$ 2,89 bilhões, seguido pela classe C com 37% e R$ R$ 2,42 bilhões. O Sudeste é responsável por 53% do consumo com estimativa de gasto de R$ 46,34 por habitante, seguida pela região Sul com 17% e gasto per capita de R$ 47,23. O menor consumo está na região Norte, com 6% do total e média de gasto de R$ 31,93 por pessoa. Juntos, São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Paraná correspondem a 64% do potencial de compra de brinquedos no país e contam com 58% dos domicílios. 

O Distrito Federal é a localidade onde que os gastos serão mais elevados. De acordo com levantamento do PesquiseJá, 78% dos pais pretendem gastar mais de R$ 150,00 com brinquedos e 40% deles mais de R$ 300,00 na capital federal. A pesquisa foi realizada entre os dias 4 e 6 de outubro, envolveu 11 estados e o Distrito Federal, totalizando 1.775 entrevistas.

Veja o que algumas marcas estão fazendo para a data:

Lojas Americanas e Americanas.com - A varejista oferece diversas opções de brinquedos, jogos educativos e videogames, com parcelamento em até 10 vezes sem juros nos cartões.

Omo - A marca desenvolve uma ação interativa em sua fanpage do Facebook e nos seus canais no YouTube e Instagram. A ideia é estimular os pais a recriarem brincadeiras lúdicas de sua época com seus filhos e assim proporcionar experiências indispensáveis para o desenvolvimento das crianças.

Casa & Vídeo - A rede de varejo tem como destaque o tablet da Galinha Pintadinha. Com sistema Android e conteúdo exclusivo da personagem, o gadget possui tela de sete polegadas, 4GB de memória interna, além de entrada para cartão de até 32GB.

Extra.com.br - Para homenagear as crianças, o site apresenta um menu especial com informações sobre personagens conhecidos, além de tipos de brinquedos, possibilitando selecionar os presentes por gênero e faixa etária. A loja virtual oferece mais de 250 mil itens, em cerca de 30 categorias diferentes.

Tupperware - A marca cria uma coleção com foco no público infantil com os personagens Mickey e Minnie. A linha é composta por duas opções de Copos Turma do Mickey e duas opções de Tupper Pratinhos Turma do Mickey.  

Hasbro - A empresa traz lançamentos para a data, entre eles o jogo de tabuleiro Monopoly Império, as figuras de ação Beast Hunters e a linha Playskool Heroes.

Ri Happy e PBKids - A redes varejistas de brinquedos Ri Happy e a PBKIDS investiram R$ 4 milhões em ações de Marketing para o Dia das Crianças e esperam por um crescimento de 8% nas vendas em relação a 2012. Com o lema "Ri Happy é UAU", a empresa cria também uma parceria com a Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD), na qual, a cada R$ 90,00 em compra de qualquer produto, mais R$ 3,99, os clientes recebem um cofrinho exclusivo do Solzinho. Parte do valor será destinado à AACD.

 

Aproveite e leia também: Potencial de Consumo do mercado de Brinquedos. Conteúdo exclusivo para assinantes +Mundo do Marketing. Acesse aqui.


 

Comentários


Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2018.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss