Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Últimas Notícias

Publicidade

Comportamento do consumidor em farmácias e drogarias

Por | 05/11/2007

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

Comportamento do consumidor em farmácias e drogarias

O POPAI Brasil divulgou os resultados da pesquisa feita pelo IBOPE Solutions e Múltipla PHD Estudos Comportamentais, "O Comportamento do Consumidor em Farmácias e Drogarias". O objetivo foi conhecer os hábitos do consumidor, além de mensurar o impacto que as ações e os materiais de merchansiding causam na decisão de compra. Entre novembro e dezembro de 2006, a medição atuou em São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Recife e Salvador.

Na segunda fase, a proposta era saber quais os produtos e marcas comprados, os valores gastos, materiais promocionais e de merchandising e o que influenciou a decisão de compra. Para garantir um melhor aproveitamento foram feitas 15 entrevistas por estabelecimento. Conheça os destaques.

Frequência de compras
· 65% dos freqüentadores de farmácias são mulheres
· Cerca de 83% pertencem à classe B e C
· Somente 61% tem o colegial completo
· Os freqüentadores desse canal tem em média de 20-39 anos
· 83% dos consumidores vão sozinhos aos estabelecimentos
· Esse público freqüentam farmácias independentes e o período com maior concentração de compra está no período da tarde (56%). 

Tempo de permanência nas lojas
. Os consumidores ficam 5 minutos em média nas farmácias e drogarias
. Em São Paulo 60% dos consumidores vão diretamente ao balcão, sendo que 56% estão interessados em medicamentos, porém a média pesquisada foi que  51% dos consumidores vão diretamente ao atendente.
. 33% dos consumidores foram direto no balcão, mas pararam para olhar outras seções.

Intenção de gasto
. 58% dos consumidores buscam medicamentos - desde 58% cerca de 6% compram medicamentos sem prescrição médica.
. 22% buscam produtos de higiene - a compra desse item feito em farmácias se dá devido a localização das lojas, conveniência e praticidade.
. 12% procuram itens nos segmentos de cosméticos - essa compra também é feita pela localização, mas também pela aquisição de produtos mais baratos.
. 7% dos clientes comprar produtos para bebê - essa compra também é feita pela localização, mas também pela aquisição de produtos também mais baratos.
. 2% compram alimentos (1% bomboniere)
. 2% adquirem bebidas
. O valor gasto em farmácias e drogarias é próximo de R$ 11.90
 
Perfil de quem vai às compras - nacional
Medicamentos: Consumidores com mais de 40 anos, com maior renda (AB), e nordestinos.

Higiene: Jovens com até 29 anos, classe média e cariocas.

Cosmético: Mulheres, jovens até 29 anos, cariocas, classe média e compram de quinta a domingo.

Produtos para bebê: Mulheres de 20 à 39 anos, paulista e gaúchas compram no meio da semana

Alimentos: Consumidores da terceira idade, com renda alta, cariocas e paulistas, compram durante a tarde e nos fins de semana.

Bebidas: Público masculino, jovens até 29 anos, classe média e cariocas

Meios de pagamento
Como o valor da compra ainda é baixo cerca de:
. 86% dos consumidores pagam em dinheiro
. 6% efetuam o pagamento com cartão de crédito
. 4% com cartão de débito

Decisão dentro da loja
. 7% das compras em farmácias e drogarias são feitas por impulso
. 16% das compras pretendida são canceladas 
. Na média cada consumidor pretendia comprar 1,27 produtos, mas comprou 1,17, pois 15% saiu da farmácia sem comprar nada
. As seções que mais contribuem para esse cenário são os medicamentos, cosmética e beleza.
. Enquanto 17% das marcas/produtos comprados de medicamentos são decididos no PDV, para outras categorias esse índice é o dobro.

Impactos dos materiais / Material de merchandising
. 59% dos consumidores tem o hábito de ler os encartes de ofertas, os mais informados são: Mulheres do Rio de Janeiro e Porto Alegre que compram em rede.
. 99% das farmácias tem materiais de merchandising, em média cada farmácia tem 7,9 materiais diferentes.
. Somente 30% dos consumidores expostos a materiais de comunicação tem lembrança desse estímulo
. Cerca de 88% dos materiais de merchandising são expostos na entrada da loja e também geram maior recall espontâneo

Os materiais mais usados são:
. 82% Display de balcão
. 67% Cestos
. 54% Gancheiras
. 53% Banners
. 50% Display de Chão
. 40% Wobbler
. 40% Cartaz
. 38% Ilha
. 37% Faixas de gôndola
. 34% Folhetos

Marcas mais presentes que investem em materiais de merchandising
. Marca Própria - 32%
. Vick - 32%
. Eparema - 26%
. Neosaldina - 25%
. Gillette - 24%
. L'Oreal - 24%
. Johnson - 22%
. Sundown - 21%
. Listerine - 20%
. Colorama - 20%

Comentários


Acervo

Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2018.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss