Últimas Notícias

Publicidade
Publicidade

Gestão de Talentos deve ser uma das maiores preocupações das empresas nos próximos dois anos, aponta pesquisa

Estudo da Ernst & Young levantou principais desafios que as companhias brasileiras enfrentarão até 2013

Por Cláudio Martins - 29/09/2011

A Gestão de Talentos será uma das maiores preocupações das empresas brasileiras nos próximos dois anos. A informação é do estudo “Turn Risks and Opportunities into Results  Exploring the Top 10 risks and opportunities for Global Organizations”, produzido pela Ernst & Young. A pesquisa levantou os 10 principais riscos que serão enfrentados até 2013, a partir de entrevistas com líderes empresariais.

Segundo o ranking brasileiro, a Gestão de Talentos aparece com um índice de 7,5, em um escala de importância de 1 a 10, enquanto no mundo, o item aparece com um total de 6,2. A busca por profissionais capacitados também é uma preocupação de companhias de outras economias emergentes, como China, Índia e África do Sul.

Os outros fatores que devem estar presentes na agenda das organizações brasileiras são regulação e a compliance (7,2), inovação tecnológica (7,1), corte de custos (6,8), pressão por preços (6,4) e acesso ao crédito, que aparece com a mesma importância da intervenção do Estado na economia (5,9). Também figuram na lista os riscos relacionados ao mercado (5,7), à economia (4,7) à responsabilidade social por parte das empresas (5,1).