Consumidor mantém a confiança no mercado brasileiro, diz pesquisa | Mundo do Marketing

Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Últimas Notícias

Consumidor mantém a confiança no mercado brasileiro, diz pesquisa

Estudo mostra que 50% dos entrevistados esperam que sua situação financeira melhore daqui a seis meses

Por | 13/09/2011

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

O consumidor mantém a confiança no mercado brasileiro, mas está mais cauteloso em relação ao futuro. É o que aponta o levantamento realizado mensalmente pela Associação Comercial de São Paulo (ACSP/Ipos) com mil domicílios no país, em nove regiões metropolitanas e 70 cidades do interior. O índice varia de zero a 200 pontos, sendo que acima de 100 pontos o entrevistado está na região de otimismo e abaixo de 100, na região do pessimismo.

O estudo apresenta que o índice nacional de confiança é de 150 pontos atualmente, contra 147 em julho e 155 em agosto de 2010. Já na abordagem entre regiões, o Norte e Centro-Oeste lideram o otimismo com 200 pontos em agosto, mais do que no mês anterior com 185. Em seguida aparecem as regiões Sudeste (159), Sul (152) e Nordeste (122).

A classe C continua a mais otimista, com 155 pontos em agosto, dois há mais do que em julho. Em segundo lugar estão as classes A e B com 143 pontos e, em sequência, as camadas D e E com 133. No quesito emprego, 38% dos entrevistados se sentem mais seguros no trabalho e 27% se sentem inseguros. Por outro lado, a média dos entrevistados que conhecia alguém que perdeu o emprego se manteve em agosto, com 3,1%. No mesmo período do ano passado este número era de 3,5%.

O consumidor, no entanto, se mostra mais cauteloso em relação às compras de eletrodomésticos, apenas 43% dos participantes são mais favoráveis à aquisição destes produtos, em contrapartida 30% são menos favoráveis. Durante o último mês, 49% dos brasileiros consideraram a situação financeira boa, enquanto 28% acharam que está ruim.

Pensando no futuro, 39% dos consumidores confiam que a economia da sua região vai se fortalecer, sendo que este índice caiu dois pontos em relação ao mês anterior. Já a parcela que acredita que a economia local ficará mais fraca permanece em 13%. Por fim, 50% esperam que sua situação financeira melhore daqui a seis meses, antes eram 53%. Os que acham que o panorama piorará permanecem em 12% nos últimos dois meses.

Comentários


Acervo

Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2018.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss