Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Últimas Notícias

Vendas de bens duráveis variam -0,2% entre janeiro e julho, diz pesquisa

Pesquisa apresenta crescimento nas vendas de Smartphones e de produtos de Linha Branca no Brasil

Por | 14/10/2009

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

Nos sete primeiros meses do ano, as vendas em valores de bens duráveis tiveram uma variação de +0,2% em relação ao mesmo período de 2008. Minas Gerais, Espírito Santo e interior do Estado do Rio de Janeiro tiveram a maior alta: 11,7%. Já o interior de São Paulo apresentou variações de 6,2% enquanto a Grande São Paulo obteve 4,1%. Foi o que mostrou a GfK Retail and Technology durante a 6ª Conferência Anual: "O Brasil e a Crise em 2009. O impacto no consumo de bens duráveis", que teve como objetivo apresentar estudos feitos este ano que demonstram a movimentação do mercado no país.

No setor de Linha Branca, a redução de IPI ajudou no crescimento mesmo com a crise. As vendas em Reais tiveram aumento de 3,3%, passando de 21,4% no faturamento de todos os bens duráveis entre janeiro e julho de 2008, para 24,7% no mesmo período de 2009. Os destaques ficaram nos estados do Espírito Santo, Minas Gerais e principalmente o interior do Estado do Rio de Janeiro. As vendas de refrigeradores, com a redução de IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados), entre janeiro e julho deste ano, foram 7% maiores que no mesmo período de 2008. Microondas, máquinas de lavar roupa e fogões apresentaram crescimento de 38%, 26% e 22%, respectivamente.

Por outro lado, as vendas da Linha Marrom diminuíram 1,6% nos sete primeiros meses deste ano em comparação com os mesmos meses de 2008. No Brasil as vendas de TV de tela fina aumentaram 60% enquanto as de tubo caíram 37%. A média dos preços das TVs de LCD teve redução de 21% entre janeiro e julho deste ano com relação aos mesmos meses do ano passado.

As TVs com conversor digital integrado (TV Digital) apresentaram queda de cerca de 30% no preço, enquanto o volume de vendas aumentou 8 vezes em comparação com o mesmo período de 2008. Já o Blu-ray apresentou em julho vendas 25 vezes maiores que o volume do mesmo mês de 2008. Neste mesmo ano, 59% das vendas da Linha Marrom eram aparelhos MP3 e MP4 e 41% de equipamentos de som. Este ano os números passaram para 76% e 24%, respectivamente.
 
Os equipamentos de informática tiveram maior percentual de vendas na Europa Ocidental em 2008, com 19% das vendas de unidades em todo o mundo. Em segundo lugar está a China, com 12%. Com 12,2 milhões de unidades vendidas, o Brasil foi o país com maior importância na América Latina. Entre julho de 2008 e julho de 2009, o mercado total de informática teve variação de -2%, com queda de 24% na categoria PCs e aumento de 16% na categoria portáteis.

O crescimento dos equipamentos móveis gerou o nicho de netbooks, que aumentaram de 1% para 4% sua participação no mercado em julho deste ano contra o mesmo mês de 2008. Um dos motivos para este crescimento é o aumento do número de marcas que comercializam o aparelho no Brasil: em julho de 2008 eram 2 contra 13 no mesmo mês de 2009 e hoje já são 40 marcas.

No mercado de fotografia a variação dos valores foi de -13% entre janeiro e julho deste ano contra os mesmos meses de 2008. Neste período, as vendas unitárias de celulares com câmera embutida oscilaram -15,7% enquanto as câmeras digitais variaram -8,1%. Em 2008, foram vendidos 137 milhões de câmeras no mundo, número 6% maior que em 2007. No Brasil, em 2008, o mercado vendeu 2,5 milhões de equipamentos contra 2 milhões em 2007.

Em julho de 2008, eram 402 opções de câmeras digitais no Brasil. Este ano, no mesmo mês, o consumidor contava com 443 itens diferentes. Os Smartphones apresentaram crescimento de vendas de 260% entre janeiro e julho de 2009 se comparado com o mesmo período de 2008. A venda de unidades de Smartphones nos sete primeiros meses do ano passado foi quase igual a 0% do total dos produtos de Telecom, mas no mesmo período deste ano, os Smartphones representaram 1,4% das vendas.

Comentários


Publicidade

Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2018.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss