Ampro busca por fim na desunião entre agências de promoção do Rio | Mundo do Marketing

Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Reportagens

Ampro busca por fim na desunião entre agências de promoção do Rio

Entidade busca unir o mercado a fim de discutir soluções para problemas comuns e desenvolver o setor numa praça de grande representatividade

Por | 25/05/2007

bruno@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

Ampro busca por fim na desunião entre agências de promoção do Rio

Por Bruno Mello
bruno@mundodomarketing.com.br

Uma rápida busca no site da Ampro - Associação Brasileira de Marketing Promocional - mostra como o mercado de promoção, incentivo e eventos do Rio de Janeiro não tem representação associativa. O estado conta com apenas sete associados contra 139 de São Paulo. Este número contrasta com as dezenas de agências instaladas no Rio e as centenas de eventos e ações promocionais realizadas numa das praças mais representativas do país. Então, qual seria o problema?

Um histórico de conflitos entre agências, profissionais e a associação é uma das causas apontadas por fontes ouvidas pelo Mundo do Marketing. O problema que mais dificulta a associação do mercado carioca, no entanto, é creditado ao individualismo dos que trabalham entre o Cristo Redentor e a Lagoa Rodrigo de Freitas. "É um mercado importante, mas é desunido", afirma José Gaspar Brandão, Diretor-Executivo da Ampro. "O carioca não é muito participativo a trabalhos em grupo e, por isso, acaba não sendo tão produtivos", completa Gilberto Strunck Sócio-diretor da Dia Comunicação.

A agência de Strunck é uma das poucas associadas à Ampro no Rio de Janeiro. Ele, inclusive, foi um dos fundadores e presidente da Associação. Para o executivo, a entidade vive um momento positivo e o mercado precisa deixar o passado de lado para se preparar para o futuro. "É muito importante para o mercado estabelecer normas e parâmetros e isso só é possível através de um trabalho em conjunto", ressalta Strunck em entrevista ao site.

Atuação local
Nesta semana, Gaspar Brandão foi ao Rio mostrar os números do setor e as ações em andamento da Ampro. Dezenove agências estavam representadas no encontro que também apresentou a sócia-diretora da PromoOffice, Márcia Woolf, como diretora da entidade para o mercado fluminense. "O foco é ter a Ampro representada localmente para que o Rio volte a ter um capítulo. É preciso unir o mercado para procurar soluções para problemas comuns", salienta Brandão.

Uma das metas é dobrar o número de associados à entidade até o final do ano. "É um passo a passo para que as agências acreditem na união do mercado, que está isolado, com a Ampro, que é uma entidade que evoluiu e que está com consistência", ressalta Márcia Woolf. A executiva está trabalhando para a próxima reunião com o trade com o objetivo de elaborar um plano de trabalho para desenvolver o mercado do Rio.

A diretoria avançada também será responsável por organizar a Semana Universitária de Marketing Promocional. "Precisamos de pessoas que estejam engajadas para não deixar a coisa esfriar e que possamos atender as demandas específicas do mercado do Rio de Janeiro", diz Márcia. "A decisão de ter a Ampro é do mercado carioca", enfatiza Gaspar Brandão.

Acesse
www.ampro.com.br
www.diacm.com.br
www.promooffice.com.br

Comentários


Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2018.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss