Couromoda movimenta setor de calçados com oportunidade de negócios | Mundo do Marketing

Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Reportagens

Couromoda movimenta setor de calçados com oportunidade de negócios

Evento concentra 25% das vendas do setor. Em 2008 foram R$ 6 bi em negócios

Por | 09/01/2009

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

Couromoda movimenta setor de calçados com oportunidade de negócios

Por Guilherme Neto
guilherme@mundodomarketing.com.br

A Couromoda chega à sua 36ª edição atraindo diversas empresas do setor de calçados, artigos esportivos e artefatos de couro. O evento acontece dias 12 a 15 de janeiro, no Parque Anhembi, em São Paulo, atraindo mais de 1.200 empresas representando 90% do setor. Diversas marcas aproveitam a ocasião para apresentar suas novelas coleções e fazer contatos comerciais e profissionais.

A feira inicia o calendário nacional de grande eventos de negócios, que deverão contabilizar 170 segundo a União Brasileira dos Promotores de Feiras (com São Paulo concentrando cerca de 70% deles). A Couromoda foca em um setor que cresceu 4,5% em vendas no varejo em 2008 no Brasil e produziu 800 milhões de pares de produtos em 2007, sendo o terceiro maior produtor do mundo. São R$ 30 bilhões anuais em negócios. 

Só na edição do ano passado, a Couromoda movimentou R$ 6 bilhões em negócios fechados ou encaminhados, ou cerca de 25% do total de vendas anuais da indústria brasileira de calçados. Para este ano, estão previstas as visitas de 78 mil lojistas, industriais e compradores estrangeiros, de cerca de 60 países.

Investidores italianos buscam parceiros no Brasil
Quem chega ao país em busca de parceiros no Brasil é o Instituto Italiano de Comércio Exterior, entidade governamental ligada ao Minist ute;rio do Desenvolvimento Eco nômico da Itália e da Associação Nacional dos Calçadistas Italianos. Serão 24 empresas italianas, a maioria de pequeno e médio porte, em um pavilhão exclusivo, que expõe produtos e buscam oportunidades de negócios para vender e fabricar seus produtos no país.

Estará em prática ainda um projeto de intercâmbio com empresários colombianos, que vêm ao evento para participar de rodada de negócios atrás de produtos que proporcionem conforto. O "Projeto Conforto" também levará técnicos brasileiros para a Colômbia.

De janeiro a outubro de 2008, a Itália exportou 60 mil pares ao Brasil, registrando R$ 7 milhões de dólares, enquanto que 5,9 milhões de pares produzidos no Brasil aportaram no mercado italiano, registrando R$ 118,3 milhões de pares.

Para este ano, uma tendência que se fortalece é o uso do licenciamento em produtos destinados a adultos. É o caso da Grendene, que coloca no mercado um novo modelo para a sua coleção Guga Kuerten (foto), baseada no ex-tenista brasileiro. A Goóc, por sua vez, traz uma linha de estampados inspirados em Tarsila do Amaral, Van Gogh e Tomie Ohtake. Já a Cordez lança a sexta coleção de bolsas com o nome da apresentadora Ana Hickman (foto).

Maior destaque a produtos esportivos e maquinário
Outra novidade é um foco maior para artigos esportivos, que será destacado em uma área denominada "Mundo dos Esportes" e reunirá 80 marcas apresentando cerca de três mil novos produtos. Além dos artigos esportivos, outro tipo de produto que ganha destaque são as máquinas para calçados. Embora o evento seja voltado a produtos para consumo final, pelo segundo ano consecutivo, a Couromoda terá um espaço dedicado para a apresentação deste tipo de produto, uma área três vezes maior em relação àquela vista na edição do ano passado. 

Quem também apóia-se nas relações entre empresas para promover o setor é a Associação Brasileira de Empresas de Componentes para Couro, Calçados e Artefatos (Assintecal). A entidade lança em parceria com o Ministério do Turismo (MTUR) o Cardápio de Negócios, que visa promover o turismo em cidades produtoras de calçados e eventos do setor. A Assintecal também promoverá exposição de produtos e terá uma área vip para descanso exclusiva a seus associados.

Outra iniciativa para promover as vendas debatida no evento será a padronização de medidas do vestuário brasileiro, assunto que há 16 anos a Associação Brasileira do Vestuário (Abravest) vem discutindo junto ao mercado. A causa ganhou força com a aprovação recente de uma norma para o setor de meias junto à Associação Brasileira de Normas e Técnicas (ABNT), além das já aprovadas para os setores de vestuário masculino, feminino e infantil. A primeira fase da aplicação com a entrega dos moldes oficiais será feita em um evento que reunirá diversas marcas do setor, como Millus, Drastosa e Deva e varejistas como Carrefour, C&A, Marisa e Wal-Mart.

Comentários


Inteligência Inteligência

Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2019.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2019. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss