Reportagens

Publicidade
Publicidade
Mercado

Mercado de Casamentos ensina como se relacionar com o cliente

Casamentos impulsionam crescimento de serviços especializados

Por Juliana Castro - 21/02/2011

As cerimônias e festas de casamento movimentam diversos segmentos e representam uma boa oportunidade de investimento para as empresas. Apesar dos dados mais recentes do IBGE mostrarem que o número de uniões caiu 2,3%, o setor é movimentado pela variedade de produtos e serviços que compõem a data. Um dos canais utilizados pelas marcas para atingir o consumidor e apresentar as novidades é a Expo Noivas, que traz as principais tendências do mercado.

A feira é realizada no mínimo quatro vezes por ano e suas edições movimentam milhões de reais. Somente no evento ocorrido no mês de maio de 2010, no Rio de Janeiro, o faturamento foi de R$ 25 milhões durante os cinco dias em que recebeu os visitantes. “Cada Expo Noivas mobiliza cerca de 60 mil visitantes. Só em 2010, foram 985 expositores em quatro eventos”, diz José Luiz Carvalho, organizador da Expo Noivas, em entrevista ao Mundo do Marketing.

A Sonho de Valsa é patrocinadora do evento. A parceria tem como objetivo associar a marca ao universo ligado ao amor, tema para o qual direciona suas ações de Marketing. A Kraft Foods encontrou na feira uma oportunidade de agregar valor à empresa fazendo com que esteja presente em um momento importante para o consumidor.

Diferenciação no clássico
Até os clássicos representam uma boa oportunidade para as marcas investirem no setor. Os noivinhos que decoram o bolo ganharam novos contornos, são customizados e feitos a partir de biscuit.  A importância dos bonecos em cima do bolo de casamento é tanta que há empresas que trabalham apenas com o produto. Há 12 anos no mercado de lembrancinhas, a Oficina do Biscuit, de Curitiba, passou a focar neste segmento há sete. 

Investindo nos traços dos recém-casados, os bonequinhos retratam diferentes situações, baseadas, por exemplo, na profissão do casal. “Eles mostram um lado mais pessoal dos noivos”, diz Luciano Rodrigues, criador dos modelos, em entrevista ao Mundo do Marketing. A produção mensal da empresa é de 70 noivinhos, o máximo da capacidade de produção da Oficina do Biscuit. “Tem meses em que preferimos não pegar mais para fazer um bom trabalho” diz Luciano.

Apesar da busca por novidades, os produtos e serviços mais procurados são os tradicionais. “Todos os casais querem registrar os momentos. Por isso os profissionais de filmagem e fotografia são sempre os mais procurados na Expo Noivas”, conta o organizador do evento. Para aliar tradição e dar um diferencial à cerimônia, a Confeitaria Colombo, no Rio de Janeiro, realiza festas de casamento distintas dos salões tradicionais.

A casa tem mais de 100 anos e mantém as características da inauguração, em 1894, tornando-se patrimônio cultural e artístico do país. Entre as razões que levam as noivas a optarem pelo local está a facilidade de encontrar todos os serviços juntos, além de realizarem a festa em um lugar histórico. “As noivas resolvem quase tudo conosco como o salão, o buffet e o bolo”, conta Luciana Assis, responsável pelo local, em entrevista ao Mundo do Marketing.

Relacionamento com o consumidor
As empresas também focam no atendimento personalizado e no relacionamento com as noivas. A Maison Esmell, localizada em Ipanema, no Rio de Janeiro, trabalha há 14 anos com o Dia da Noiva e oferece consultoria de maquiagem e cabelo. As funcionárias entrevistam as noivas e buscam refletir a identidade delas nos detalhes do visual. Por conta disso, a demanda cresceu e o salão já conta com reservas até 2013.

Perto da data da festa, a noiva vai até o salão e faz a “Prova da Noiva”, para testar o cabelo e a maquiagem. Esta etapa faz com que a cliente estreite a relação com a empresa a crie confiança também no profissional que executa o trabalho. “Queremos deixar a cliente à vontade e, para isso, temos que criar uma sintonia com o profissional”, diz Dany Carneiro, Hair Stylist do Esmell, em entrevista ao Mundo do Marketing.

O mercado do Dia da Noiva está em ascensão e não se restringe aos salões. Apesar de oferecerem melhor estrutura, muitas noivas optam pelo atendimento em hotéis. As empresas precisam se preparar para ir até onde o consumidor está. A Esmell, por exemplo, se adequou a esta condição e já conta com profissionais para atender externamente.  “Visualizamos a oportunidade e aumentamos nossa equipe que vai a hotéis”, diz Alexandre Reigia, responsável pela administração da Maison Esmell, em entrevista ao portal.

A Funclick também busca se destacar no segmento disponibilizando uma máquina que tira fotos para serem dadas como lembrança. Para se diferenciar, a marca oferece ao consumidor a possibilidade de criar uma identidade para o evento, que é vista na própria Funclick e na moldura da foto. No final do evento, a empresa entrega aos noivos um cadastro do e-mail dos convidados, facilitando o envio de mensagens de agradecimento.

A unidade do Rio de Janeiro é uma franquia da matriz, que está em São Paulo. Há um ano no mercado, a marca aposta no crescimento para 2011 “Hoje realizamos de dois a quatro casamentos por mês e esperamos dobrar o número neste ano”, diz Andrea Magalhães, Diretora da marca, em entrevista ao site.