Mobile Marketing vai desbancar o PC | Mundo do Marketing

Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Reportagens

Mobile Marketing vai desbancar o PC

Empresas correm para criar versões mobile de seus sites

Por | 03/06/2009

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

A ascensão dos aplicativos móveis que usam redes 3G ou WAP e o crescente número de usuários de smartphones faz com que grandes empresas percebam a oportunidade que este mercado oferece em termos de experiência com a marca. Segundo a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), 21% dos 150 milhões de chips ativos no Brasil têm habilitação para internet móvel.

De olho no mercado e sem perder tempo, o portal Terra fechou parceria com a Predicta, consultoria especializada em medir e maximizar resultados em marketing digital, para lançar uma ferramenta capaz de analisar o perfil de navegação dos usuários que acessam o Terra através de seus telefones. Dados como conteúdo de maior acesso e também de quais aparelhos o portal móvel é acessado fazem parte do resultado que a Mobile Ad Server oferece.

A ferramenta mostrou que o portal Terra deveria redirecionar seus usuários para um ambiente que pudesse ser visualizado em telas pequenas e deu origem ao Portal Terra Mobile. Desta forma, o site identifica o dispositivo móvel usado para o acesso ao portal e direciona o visitante de acordo com o seu tipo de aparelho. Dados do Terra mostram que dois meses após o lançamento da ferramenta o portal mobile teve crescimento de 119% no volume de visitas. Resta alguma dúvida sobre a força e a importância do celular como ferramenta de Marketing eficaz?

CPU X celular
Esta realidade assusta empresas revendedoras de computadores, já que será cada vez mais comum o acesso ao conteúdo on-line através do celular. "Hoje muitas pessoas tem mais de um celular. Um corporativo para acessar a internet e outro para uso pessoal que serve para falar e tirar fotos. No fim de semana o celular se transforma em um computador pessoal, pois o consumidor acessa o wi-fi em casa e fica navegando pelo celular", afirma Elisa Calvo, gerente de Mobile Advertising do Portal Terra em entrevista ao Mundo do Marketing.

Segundo Elisa, a maioria dos usuários está migrando para celulares com acesso à web, 8% dos usuários brasileiros já usam e isto comprova a mudança de comportamento. "Estamos diante de uma janela de oportunidades e o consumidor está querendo experimentar, porém, ainda existe a questão do custo", acredita. O preço para usar este dispositivo tende a diminuir com o passar do tempo. "Este serviço começa com características premium e depois entra no cotidiano. A tendência é o preço baixar e estar ao alcance dos consumidores", afirma Claudia Woods, diretora de inteligência e marketing da Predicta ao site.

A internet móvel vem surgindo com força e este é o principal e mais visível ponto com relação à percepção do consumidor brasileiro. "As operadoras já oferecem planos de internet móvel com pagamento fixo e isto é um dos movimentos que poderão fazer com que este mercado exploda", diz Marcelo Castelo, sócio-diretor de negócios para a área de mobile da F.biz.

Perfil desejado X usuários reais
O perfil do consumidor mobile no Brasil está entre 10 e 12 anos principalmente, segundo Elisa, do Terra. O motivo está diretamente ligado ao fato de que esta ferramenta oferece cada vez mais fontes de informação, com notícias, serviços e entretenimento. "Eles enxergam o celular como forma de conexão, como um computador móvel. Isto remete a uma mudança na plataforma básica de internet", conta Elisa.

Lançado em janeiro deste ano, o Portal Terra Mobile ainda não tem definido o perfil de seus usuários, embora alguns dados já sejam possíveis de obter. "Estamos fazendo pesquisas para entender a fundo esse comportamento e os desejos do consumidor sobre conteúdo. O portal é voltado para as classes A e B e atinge na maioria homens, principalmente aos sábados onde a audiência no canal `esportes´ cresce 30% quando há jogos na TV", aponta a gerente de Marketing do Terra.

De acordo com Marcelo Castelo, o crescimento de usuários em portais móbiles é um caminho sem volta, principalmente pela chegada de novos portais neste mercado. "Quanto mais conteúdo, mais usuários vão acessar estes portais. Vejo que a internet móvel será tão importante quanto o SMS. Hoje são 70% dos usuários que conseguem acessar internet em versão WAP", explica o diretor da F.biz.

Conteúdo, velocidade e momento
Com o preocupante índice de 76% dos usuários do portal móvel abandonando o site antes da página inicial ser carregada por completo, Elisa Calvo prevê que estes números caiam devido à preocupação de empresas anunciantes em oferecer um site móvel para o seu consumidor. Para aumentar a permanência nos sites mobile o foco do portal Terra Mobile é impactar com eficiência e oferecer conteúdo específico para o celular. Isto estabelece uma relação diferente com o consumidor, pois prende a atenção dele.

Um dos pontos detectados pela Predicta que mais precisavam ser melhorados no portal Terra Mobile foi o carregamento da página - que deveria ser feito de forma rápida -, e a visualização da página de acordo com o aparelho do usuário. Com a aplicação de ferramentas capazes de oferecer estes serviços, as duas empresas vislumbraram um novo horizonte. "Depois disso surgiu a idéia de analisar usuários de mobile separadamente para saber como eles se comportam. Notamos uma população muito baixa com relação aos usuários do site e este foi o incentivo principal para separarmos os usuários e entendermos o que eles queriam", explica Claudia Woods, da Predicta.

O relacionamento com os usuários do Terra Mobile será baseado em conteúdo e, por isso, o portal está implementando serviços de mapas, tempo, qualidade de vida, moda, entre outros. Segundo Elisa, o objetivo é acompanhar os assuntos mais relevantes durante toda a semana. Para manter o usuário conectado por mais tempo nos sites mobile, Marcelo Castelo destaca o momento e a velocidade de conexão como o grande empecilho para a permanência. "A lentidão e os momentos de acesso são os principais pontos. Enquanto o usuário acessa todo o conteúdo de um site usando banda larga, ele provavelmente só conseguirá visualizar aproximadante três páginas via celular usando WAP. Se este usuário estiver na frente do computador ele não precisa acessar um portal via celular até porque a tela é pequena e isto também dificulta", completa Castelo.

*Atualizado às 15h30

Comentários


Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2019.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2019. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss