<p><strong>Protestos contra políticas comercial e de marketing da GOL</strong></p><p>A Associação Brasileira das agências de viagens (ABAV) está promovendo a campanha "Gol contra" em âmbito nacional. A ação é um protesto contra as políticas comerciais e de marketing da Gol. Para a ABAV, a empresa, embora se entitule companhia de baixo custo, muitas vezes divulga preços acima do mercado e em janeiro reduziu o comissionamento das agências de viagem. </p><p>A Associação alega ainda que as campanhas promocionais não divulgam o número de assentos disponíveis e, por isso, agências e passageiros saem prejudicados. "Os clientes não conseguem acesso às tarifas promocionais, com campanhas publicitárias divulgando passagens a R$1, R$ 25 e R$ 50 e se revoltam contra as Agências de Viagens", dizia o comunicado distribuído a imprensa.</p><p>As agências de viagens prometem desviar as vendas dos bilhetes aéreos da Gol para as companhias aéreas concorrentes nos vôos nacionais e internacionais. Os protestos acorrem desde o dia 1º de fevereiro e já contam com a participação e representação das ABAVs estaduais.</p>