Notícias Corporativas

Softwarehouse demonstra retomada no mercado de sistema de gestão na nuvem

Com a pandemia e restrições, diversos segmentos reduziram seus faturamentos e com isso, softwares de gestão na nuvem como os da Zanshin Software tiveram queda no número de assinantes e usuários. Porém nos meses de setembro e outubro houve uma retomada no número de assinaturas, indicando recuperação da carteira de clientes e aumento no interesse do software-como-serviço em geral.

Teutônia, RS

Categoria: Software

Autor: DINO

Data de Publicação: 29/10/2020
SaaS da Zanhin tem retomada
Zanshin Software

A pandemia de COVID-19 trouxe enormes desafios a diversas empresas. Muitos negócios foram cancelados e diversos setores sofreram baixas nos seus faturamentos, afetando inclusive os softwares na nuvem.

O mercado de publicidade foi um destes afetados, conforme divulgado pelo portal Meio e Mensagem (https://www.meioemensagem.com.br/home/midia/2020/09/02/cenp-meios-aponta-retracao-de-30-no-1o-semestre.html), onde houve uma retração de 30% no volume de valores investidos em mídia no primeiro semestre.

Este é o público-alvo do principal produto da Zanshin Software com o SiGA, sistema de gestão voltado para agências de propaganda. Além deste mercado, a empresa fornece softwares na nuvem para diversos outros segmentos, como academias de lutas, escolas de cursos e gestão de projetos e tarefas.

Durante a pandemia, houve uma queda na quantidade de assinantes ativos nos sistemas não apenas para o mercado publicitário, mas também no setor das academias de lutas. Com os diversos decretos estaduais em todo o Brasil com o fechamento de academias, muitas tiveram que cancelar o sistema de gestão utilizado.

Apesar do cenário crítico no início dos isolamentos e distanciamento social, os meses de setembro e outubro apontaram uma grande retomada nos negócios da softwarehouse. Com o retorno de diversas atividades, os mercados voltaram a ficar aquecidos e isto ocasionou o crescimento das assinaturas nos diversos softwares da empresa.

No caso do mercado publicitário, 33% das agências de propaganda já recuperaram o mesmo faturamento de antes da pandemia, conforme noticiado pelo SINAPRO/MG (https://www.sinapromg.com.br/33-das-agencias-retomaram-desempenho-anterior-a-crise/). Com isto, não apenas mais empresas tem procurado softwares como o SiGA para gerir seus negócios, mas o número de usuários contratados pelas agências também aumentou, indicando um crescimento no quadro de colaboradores.

Um dos motivos prováveis da escolha deste tipo de software, conhecido como SaaS (software-as-a-service), é a possibilidade de se usar o sistema em qualquer lugar e a qualquer hora, pois o mesmo é acessado via internet, sem instalação local. Com a adoção de home office e modelos híbridos de trabalho, torna-se muito mais vantajoso.

Esta nova forma de trabalhar traz otimismo às empresas que desenvolvem softwares baseados na web, não apenas no quesito faturamento, mas também na cultura organizacional do mercado e a importância da gestão dos trabalhos em qualquer lugar pela internet.



Website: https://zanshinsoftware.com
Publicado por: dino

Este conteúdo de divulgação comercial é fornecido pela empresa DINO e não é de responsabilidade do Mundo do Marketing.