Notícias Corporativas

Chega ao Brasil um teste rápido para detecção da COVID-19 que apresenta os resultados em até 10 minutos e já é usado em vários países do mundo

De origem Chinesa, país onde surgiram os primeiros casos da doença, o dispositivo de teste rápido COVID-19 IgG / IgM é um teste imunocromatográfico em fase sólida para a detecção rápida, qualitativa e diferencial de anticorpos IgG e IgM para o novo Coronavírus no sangue total humano. O teste, aplicado no momento correto, identifica: quem está com a infecção ativa, quem já tem os anticorpos e quem ainda não teve contato com o vírus.

Sete Lagoas/MG

Categoria: Ciência & Saúde

Autor: DINO

Data de Publicação: 05/06/2020
DINO

No início de dezembro de 2019 foram notificados os primeiros casos de “pneumonia de causa desconhecida” na cidade de Wuhan, na China. Dias mais tarde, em 31 de dezembro, a Organização Mundial da Saúde (OMS) foi notificada dessas ocorrências e, futuramente, constatou-se que se tratava de um novo tipo de Coronavírus, vírus que até então era responsável apenas por resfriados comuns e com baixa taxa de contágio, mas que não causava nenhum outro sintoma mais grave. 

De lá para cá a COVID-19, como foi nomeada a nova doença, tomou proporções inimagináveis. O seu alto potencial de contágio fez com que a doença se espalhasse rapidamente, sendo caracterizada pela OMS como uma pandemia em 11 de março de 2020.

Desde então o mundo não é mais o mesmo e os números de infectados e mortos assustam: até 17 de maio de 2020 foram confirmados 4.525.497 casos e 307.395 mortes no mundo. Até essa data no Brasil já eram oficialmente 218.223 casos confirmados e 14.817 mortes. E esses números crescem dia após dia.

Mas, segundo especialistas, esses números na realidade são ainda maiores já que, devido à falta de uma estrutura adequada de testagem, há subnotificação da quantidade real de casos de infectados e mortos pela COVID-19.

A testagem em massa não é importante somente para as estatísticas, mas para que as autoridades de saúde possam saber a real proporção da pandemia e elaborem estratégias de combate à doença. Sem isso, o governo pode agir com atraso ou, até mesmo, tomar atitudes drásticas sem necessidade.

O exame padrão ouro para identificação da COVID-19 é o teste molecular RT-PCR, que faz a detecção do material genético do vírus em amostra de secreção colhida do paciente (Swab). Porém, esse tipo de exame demanda algumas horas para apresentar os resultados e poucos laboratórios brasileiros estão aptos a realizá-lo.

Com isso, frente à altíssima propagação da doença, os laboratórios credenciados não estão conseguindo atender toda a demanda e esse tipo de exame está ficando restrito a uma pequena parcela dos infectados.

Além disso, com a fila que se formou nos laboratórios, os resultados podem demorar até 15 dias para serem disponibilizados. O que atrasa a contagem do número de doentes e dificulta as tomadas de decisão mais assertivas no combate à doença.

Mas não é só esse tipo de exame que detecta o vírus. Existem também testes rápidos, que identificam na amostra de sangue coletada do paciente a presença de anticorpos criados pelo organismo para combater o novo Coronavírus.

Diante da falta de estrutura para realizar o exame RT-PCR de forma maciça, a ANVISA tem registrado e autorizado o uso desses testes rápidos para ampliar a rede de testagem e reduzir a alta demanda dos serviços públicos durante a pandemia. Inclusive, no dia 28/04 farmácias e drogarias brasileiras foram autorizadas a realizar esses testes rápidos, desde que devidamente regularizadas pela Agência.

Visando suprir essa alta demanda por testes no Brasil, o grupo Contourline, empresa mineira com sede na cidade de Sete Lagoas e já atuante no país nos segmentos de equipamentos médicos e estéticos, em parceria com a Egens Diagnostics apresenta o dispositivo de teste rápido COVID-19 IgG / IgM - Colloidal Gold, que em apenas 10 minutos indica um resultado seguro e confiável para diagnóstico de casos do novo Coronavírus.

De origem Chinesa, país onde surgiram os primeiros casos da doença, o dispositivo de teste rápido COVID-19 IgG / IgM é um teste imunocromatográfico em fase sólida para a detecção rápida, qualitativa e diferencial de anticorpos IgG e IgM para o novo Coronavírus no sangue total humano.

O teste, aplicado no momento correto, identifica: quem está com a infecção ativa, quem já tem os anticorpos e quem ainda não teve contato com o vírus. Através dele, os anticorpos IgM e IgG são mapeados separadamente. Isso permite que a fase do contágio também possa ser avaliada, uma vez que o anticorpo IgM está associado à infecção primária.

No teste também há a identificação do IgG, um anticorpo de memória imunológica que estará presente durante o processo de cura, na infecção crônica, na infecção latente e, no futuro, após o processo de vacinação.

O dispositivo de teste rápido COVID-19 IgG / IgM tem altas taxas de sensibilidade (relacionada a resultados falso negativos) e especificidade (relacionada a resultados falso positivos). Os estudos, com nível descritivo p < 0,001, apontaram sensibilidade de 96,9% e especificidade de 100%, ou seja, não houve falso positivo.

Diante da necessidade emergencial frente à pandemia, muitos testes disponíveis no mercado brasileiro foram aprovados pela ANVISA, mesmo não tendo autorização de seus governos de origem para serem utilizados. Mas isso não acontece com o teste rápido COVID-19 IgG / IgM - Colloidal Gold, que tem a segurança e confiabilidade garantidas por certificações nacionais e internacionais, com destaque para: ANVISA, Infarmed, TUV EM ISO 13485:2016, ISO9001:2015, OHSAS18001:2007, ISO14001:2015, NCCL EQA Certificate e CE Medical.

Ao contrário da maioria dos kits disponíveis hoje no Brasil, os testes rápidos da Contourline possuem marcações e certificações inclusive do seu país de origem, a China, o que se transforma em uma vantagem logística, principalmente com relação à prioridade de embarque do material para exportação naquele país.

Além das certificações, a qualidade é comprovada também pela presença do teste em diversos países, como Reino Unido, Portugal, Alemanha, Itália, Holanda, Espanha, Austrália, Índia, África do Sul, dentre outros.

Outro ponto positivo do teste rápido COVID-19 IgG / IgM - Colloidal Gold é que ele já é fornecido completo, não havendo necessidade de nenhum equipamento adicional para a sua aplicação. Todos os itens do kit passaram por rigorosos testes de biocompatibilidade e usabilidade, sendo aprovados pela ANVISA e por órgãos internacionais. Além disso, eles são fornecidos em embalagens lacradas e livres de contaminação.

Mais uma grande vantagem é que o procedimento de aplicação é simples e os resultados podem ser conhecidos entre 2 e 10 minutos após a realização do teste, o que facilita a decisão para o paciente. Mas claro, esses resultados devem ser interpretados somente por profissionais habilitados e considerados juntamente com o histórico clínico do paciente.

 



Website: https://contourline.com.br/covid-19/
Publicado por: dino

Este conteúdo de divulgação comercial é fornecido pela empresa DINO e não é de responsabilidade do Mundo do Marketing.