Notícias Corporativas

Transformação digital e mídia programática: um caminho sem volta com exigência de um novo mindset

Abra a cabeça para o novo e não fique de fora desta jornada

Categoria: Negócio

Autor: DINO

Data de Publicação: 21/03/2019

No mundo todo, 65% da publicidade digital será comercializada programaticamente em 2019, segundo estudo da agência Zenith divulgado no final do ano passado. No Brasil, aliás, este é um segmento que está em franca expansão. Em 2017, o país investiu US$ 3,3 bilhões em mídia programática, um aumento de 73% em relação a 2016, de acordo com o IAB.

A automação no processo de compra e venda de mídia, a variedade de formatos, as diferentes formas de segmentação, que proporcionam alta assertividade, e os relatórios em tempo real sobre o desempenho de cada campanha estão entre os grandes benefícios da mídia programática.

Indo além das ações de publicidade, a aposta na mídia programática também contribui com os resultados de uma empresa e acelera seu caminho rumo à transformação digital, já que uma ação bem desenvolvida envolve integração (e modernização) de processos, pessoas, tecnologias e departamentos.

Apostar nessa forma de comercialização de mídia demanda, em primeiro lugar, um novo mindset. Afinal, o universo digital não se resume apenas a veiculação, mas perpassa diversos aspectos da operação, com impacto direto na performance. A transformação digital requer também uma mudança do modus operandi de uma empresa.

Isso envolve a compreensão do comportamento dos consumidores, o uso de ferramentas integradas para troca de informações em tempo real, a obtenção de dados relevantes para orientar todas as ações e a integração das áreas de tecnologia, BI e criatividade, para oferecer aos clientes uma experiência positiva, focada em suas necessidades.

Assim, além de pensar no conteúdo que desejam difundir por meio da mídia programática, as empresas devem refletir sobre todo o contexto que envolve essa mensagem, a forma como ela impactará o consumidor, a experiência que proporcionará, desenvolvendo estratégias alinhadas com seu branding. Lembrando que, por experiência, não nos referimos somente a ações grandiosas, mas sim a todos os aspectos que envolvem a interação do cliente com a marca. Os menores detalhes podem gerar os melhores resultados.

A transformação digital é um caminho sem volta, assim como o uso da mídia programática. O tema está longe de ser esgotado. Tudo indica que vai dominar o debate nos próximos tempos, pautando inclusive os meios off-line, que também podem ser trabalhados programaticamente. Abra a cabeça para o novo e não fique de fora desta jornada.

*Bruno Pompeu é CEO da AD3+, fundada em 2013. É uma das líderes de mercado como plataforma independente em campanhas de mídia online programática, operando como Trading Desk ou DSP para agências e anunciantes.

Publicado por: dino

Este conteúdo de divulgação comercial é fornecido pela empresa DINO e não é de responsabilidade do Mundo do Marketing.