Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing - Dino

Notícias Corporativas

199013

O comércio dos brinquedos: como funciona o império dos que ganham dinheiro brincando?

Mercado de brinquedos ganha a internet em 2009 e tem crescimento constante, tendo representação de 20,5% do segmento no ano de 2016 e estima chegar ao ano de 2021 com cerca de 70% de buscas no mercado nacional.

São Paulo, SP

Categoria: Arte e Entretenimento

Autor: DINO

Data de Publicação: 11/02/2019
Feira de brinquedos infláveis
Inflatable depot market

O comércio dos brinquedos é resultado de influência de diversos setores do mercado, entre eles, o cinematográfico, havendo mais relevância para filmes infantis. Exemplo disto é o conhecido filme Frozen. As personagens, vendidas pela Hasbro, Anna e Elsa conseguiram desbancar a queridinha e maior aposta da Mattel, a Barbie.

Segundo informações da ABRINQ (Associação Brasileira dos Fabricantes de Brinquedo), os últimos 10 anos cresceram em ritmo constante. Desde 2009, com grande produção nacional, o setor só obteve aumento. Já em 2017, a renda total da indústria do setor de brinquedos foi de R$ 6 milhões, sendo que apenas a produção nacional rendeu R$ 3,4 milhões. Esses valores mostram um aumento de 7% em relação ao ano de 2015. O presidente da ABRINQ, Synésio Batista da Costa, diz que em mais dois anos a produção nacional deverá atingir 70% do mercado. As estatísticas fornecidas pela associação revelam que São Paulo é o estado líder de vendas com 35,8%, de acordo com os dados de 2017.

Datas comemorativas como Dia das Crianças e Ano Novo contribuem para que o setor se sustente mesmo em tempos de crise, já que as famílias costumam a presentear os pequenos com brinquedos. A chegada da Internet nas vendas online de brinquedos também colaborou com o crescimento do setor, que saiu da marca zero em 2009 e saltou para 20,5% das vendas do segmento no ano de 2016. Percebendo isso, o Diretor da empresa Bambuu Brinquedos, Amauri Ferreira, viu a possibilidade de expandir o negócio de brinquedos infláveis. A Bambuu oferece uma gama de brinquedos como, cama elástica, piscina de bolinhas, tombo legal entre outras variedades. A partir desta venda, pequenos empreendedores podem comprar os produtos e iniciar um micronegócio de locação de brinquedos, e esta torna-se mais uma forma de ganhar dinheiro através dos brinquedos, como é o caso de Alice Moura. A ex-dona de casa é mãe de 3 filhos e conta que, com a agenda atarefada e com filhos pequenos, não conseguia se dedicar a um trabalho fixo e então, investiu em uma piscina de bolinhas e uma cama elástica para fazer locações aos finais de semana e descobriu como trabalhar com aluguel de brinquedos e aumentar a renda de sua família.

Segundo a Alived, empresa especializada em estratégia de mercado para e-commerce, as expectativas para o mercado de brinquedos continuam grandes. Estima-se que até 2021 haja 70% de busca no mercado nacional. Além disso, o setor gerou muitos empregos. O ano de 2017 fechou favoravelmente com 33.791 postos contra 32.681 no ano de 2016, com 406 fábricas no país. Esse grande foco voltado para o mercado nacional faz com que grande parte dos brasileiros dê espaço às empresas locais, o que melhora ainda mais o mercado de brinquedos no Brasil.



Website: http://www.bambuubrinquedos.com.br



Publicado por:

Este conteúdo de divulgação comercial é fornecido pela empresa DINO e não é de responsabilidade do Mundo do Marketing.

Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2019.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2019. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss