Networking e o álbum de figurinhas 21 de junho de 2006

Networking e o álbum de figurinhas

         

Existe um câncer corroendo sua empresa neste exato momento. E, surpresa, é a tecnologia.

Publicidade

Autor: Jonatas Abbott

Porque o telefone, o e-mail, o messenger e outras formas de comunicação a distância são o grande empecilho para a ampliação de sua rede de relacionamentos. Vale lembrar que a venda profissional é um processo de conquista, de confiança pessoal.

Por isso o relacionamento da área comercial de sua empresa e dos sócios da empresa é peça chave no complicado quebra-cabeça que leva ao sucesso no mercado. O relacionamento é conquistado pessoalmente, em visita de vendas e fidelização, em eventos, dentro do cliente. Ora, se o seu vendedor passa hoje maior parte do seu tempo respondendo a e-mails e navegando na frente do computador é porque ele não está passando a maior parte do tempo no front, onde os negócios realmente acontecem, onde está o mercado e o cliente, na rua.

É preciso que se estimule na equipe e nos sócios da companhia a necessidade de se criar uma rede de relacionamentos, que deve ser estimulada e mantida permanentemente. Em época de copa do mundo nenhuma analogia seria melhor do que o álbum de figurinhas que virou mania nacional entre crianças e adultos.

Temos que ter o nosso próprio álbum de figurinhas, que nos acompanhará por toda a vida profissional. Cada nova figura do mercado agregada ao nosso relacionamento será uma foto a mais no nosso álbum. Que pode ser um CRM, uma ferramenta destas free da Microsoft, um excell ou até mesmo um prosaico caderno ou porta-cartão. O fundamental é colecioná-las. Fazer isso significa mais do que colar a foto, significa interagir agregando valor para estes relacionamentos, tanto nas vacas magras quanto nas gordas.

Publicidade

A tendência estúpida do ser humano é valorizar o relacionamento quando este dá resultado. Quando a pessoa está por cima por assim dizer. A verdadeira conquista de um relacionamento acontece quando estendemos a mão, quando indicamos um negócio, uma oportunidade, quando fazemos algo a mais.

Até porque relacionamentos não estão à venda na banca da esquina.  E ninguém está disposto no mercado a ver sua foto numa roda de bafo. Em especial no sul do Brasil relacionamento demanda tempo e seriedade para ser conquistado.

A tecnologia? É crucial para administrar sua rede. Mas jamais ela poderá deixar de ser ferramenta para virar foco, ou falta dele. Ela está a serviço do seu álbum. Há hora para se conquistar a figura que falta e hora para se usar a cola. Uma é conseqüência da outra.

E lembre-se, seu álbum jamais estará completo. O valor dele estará na pulsação viva de cada figurinha. E na troca de experiências e negócios. Qual você tem que eu não tenho? Quer trocar?


Publicidade
Amazon Prime Day