LinkedIn recruta presidente para iniciar operação no Brasil 9 de setembro de 2011

LinkedIn recruta presidente para iniciar operação no Brasil

         

Em pouco mais de um ano, site de contatos profissionais viu número de usuários no país crescer 428%

Publicidade
Amazon Prime Day

<p>O Brasil está cada vez mais na mira das redes sociais. Depois do <a target="_blank" href="https://www.mundodomarketing.com.br/5,20186,facebook-tera-escritorio-no-brasil.htm">Facebook</a>, é a vez do LinkedIn abrir um escritório no país. Com mais de quatro milhões de brasileiros cadastrados, o site de contatos profissionais está em busca de um presidente para iniciar a operação nacional, de acordo com informações da agência Reuters.</p> <p>No primeiro ano do serviço em português, lançado em abril de 2010, foi registrado um crescimento de 428% no número de usuários do LinkedIn no Brasil. Desde então, companhias como Petrobras, Vivo e Itaú Unibanco já criaram suas páginas na rede, que mundialmente possui 120 milhões de participantes.</p> <p>Sediado nos Estados Unidos, o LinkedIn conta com escritórios na Holanda, Índia, Irlanda, Reino Unido, Austrália, Alemanha, França, Cingapura, Suécia e Canadá. Em maio, a companhia realizou sua oferta inicial de ações (IPO) na Bolsa de Valores de Nova York. Hoje, os papéis da empresa valem quase o dobro do preço do IPO, que foi de US$ 45. No segundo trimestre de 2011, o LinkedIn teve alta de 120% na receita, para US$ 120 milhões, enquanto o lucro líquido subiu para US$ 4,5 milhões, contra US$ 4,3 milhões no período anterior.</p> <p style="text-align: center"><img alt="LinkedIn recruta presidente para iniciar operação no Brasil" width="400" height="273" src="/images/materias/linkedin_interna.jpg" /></p>


Publicidade
Amazon Prime Day