Life is Good: Um negócio com senso de finalidade 13 de janeiro de 2010

Life is Good: Um negócio com senso de finalidade

         

Branding

Publicidade

<p class="MsoNormal" style="text-align: justify; line-height: normal; margin: 0cm 0cm 10pt"><span new="" style="font-family: "><img alt="" align="right" width="300" height="351" src="/images/materias/Blog%20Beth/life%20is%20good2(1).jpg" />Em 1989, Bert e John Jacobs criaram sua primeira camiseta e saíram vendendo nas ruas de Boston. No ano seguinte, o negócio cresceu com a aquisição de uma Van, que não era apenas uma loja móvel. Era o negócio todo e a casa deles. Lá iam os irmãos com todo seu estoque de camisetas viajando de cidade em cidade da costa leste dos Estados Unidos em busca de estudantes.</span></p> <p class="MsoNormal" style="text-align: justify; line-height: normal; margin: 0cm 0cm 10pt"><span new="" style="font-family: ">Foram vivendo assim mascateando por aqui e ali até 1994, quando criaram um personagem chamado Jake e a marca Life is Good. Um personagem leve e uma mensagem otimista, bem humorada, simples e humilde. Otimismo é a marca e a memória que esta marca quer deixar. Para completar a equação, os irmãos aderiram à causa de crianças em dificuldades e criaram eventos para angariar doações. Estes eventos amplificaram a causa e a marca.</span></p> <p class="MsoNormal" style="text-align: justify; line-height: normal; margin: 0cm 0cm 10pt"><span new="" style="font-family: ">É emblemático que uma empresa que faturou em 2008 U$ 100 milhões seja apresentada em uma Super Session na NRF 2010, o local nobre de palestras do evento. Este faturamento é significativo para um negócio que começou de  forma singela, mas é pouco para o porte de marcas que costumam ser apresentadas nas Super Sessions. É um recado claro. Verdade, engajamento, simplicidade e senso de finalidade começam a ter mais peso que dinheiro na sede do consumo mundial.</span></p>


Publicidade
Amazon Prime Day