Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Últimas Notícias

E-mail Marketing e o desafio da taxa de abertura baixa

Apesar da taxa de entrega e de conversão ser alta, volume de abertura é ainda é muito baixo. Consumidores querem criatividade, relevância e menos repetição

Por | 14/12/2017

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

Dentre tantas ferramentas disponíveis para impulsionar os negócios, o e-mail Marketing continua sendo uma boa opção para construção do relacionamento e aumento nas vendas. Ainda que a solução tenha passado por transformações a fim de se tornar mais efetiva, a taxa de abertura ainda é baixa. Em todo mundo, e em diversos tipos de empresas, o desafio é o mesmo: ser criativo e relevante no conteúdo oferecido.

O número de e-mails recebidos por consumidores em 2016 foi 61% maior do que o volume recebido em 2015, segundo dados do Relatório 2017 sobre Consumo de E-mail feito pela Adobe. Um dos destaques da pesquisa é a alta taxa média de conversão por meio de e-mail Marketing: 69%. De acordo com as informações coletadas, para cada dólar investido, o ROI é de US$ 38,00.

Outro número que também chama a atenção das marcas é que 58% dos americanos afirmam que preferem receber informações sobre produtos e serviços no e-mail do que por qualquer outro canal. Além disso, os consumidores gastam em média 6,3 horas com leitura de e-mails em dias úteis. Ou seja, se usado de forma inteligente, com conteúdo relevante e respaldado por dados, o e-mail Marketing entrega bons resultados.

Entretanto, a apuração da Adobe mostra que ainda há desafios na utilização desse canal de comunicação. Hoje, apenas 14% dos e-mails são efetivamente lidos. Já demostrando que quantidade não é qualidade, 40% dos norte-americanos afirmam que gostariam de receber menos e-mails e 32% querem ver e-mails menos repetitivos. A ferramenta se apresenta como um dos principais canais de comunicação e conversão do Marketing, mas só traz resultados positivos se utilizada de maneira a transmitir uma boa experiência ao consumidor.

As pessoas são bombardeadas por milhares de informações ao longo do dia e o cérebro é obrigado a entrar em processo de seleção natural, ou seja, aquilo que faz sentido entra em nosso radar de aprendizado e todo o restante é descartado. Algumas boas práticas tornam possíveis o aumento dessa conversão, principalmente se analisar aspectos comportamentais do consumidor.

Trabalhar a taxa de reputação também é um ponto que ajuda a não apenas a melhorar a entrega como também a taxa de abertura. Estar atento aos formatos de mobile e a frequência de envio também ajuda a não desperdiçar recursos nessa estratégia.

Desafios
Dentre pouco mais de um mil executivos norte-americanos entrevistados, 40% deles acreditam que as comunicações por e-mail das marcas deveriam mudar em direção à entrega de conteúdo informativo, reduzindo as mensagens referentes a promoções. O segundo aspecto mais levantado quando se trata da mudança do e-mail marketing diz respeito à personalização da comunicação: 27% dos consumidores desejam conteúdos mais alinhados aos seus interesses.

O desafio para as marcas está em passar uma mensagem personalizada, no timing correto e que interesse ao cliente. O uso de inteligência artificial e machine learning traz inovações como predição da melhor imagem para gerar conversão, assim como mudança na frequência de e-mails a partir da análise das interações dos consumidores.

Combinar o e-mail com outros canais de ativação, como a experiência no site e a compra de mídia, potencializa as possibilidades de conversão do canal, já que o e-mail é apenas um dos múltiplos pontos de contato do consumidor durante a jornada. O segredo, portanto, está em aliar as ações de e-mail Marketing às tecnologias de análise de Big Data, bem como de soluções que atuam no gerenciamento desses dados para a entrega de conteúdos relevantes a diferentes perfis de consumidores. Com conteúdo relevante, aumentam consideravelmente as chances de o e-mail ser lido e, consequentemente, a possibilidade de conversão.

Leia o relatório completo sobre Consumo de E-mail no Mundo do Marketing Inteligência.

Veja também o infográfico realizado pela Adobe sobre o Contrastes do universo do e-mail marketing.





Comentários


Publicidade

Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2018.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss