Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Últimas Notícias

Oportunidades e desafios do e-commerce na América Latina

Crescimento lento da categoria dá uma brecha aos varejistas, já que os tradicionais players da região compartilham da mesma receita. Crescimento deve ser de 16% ao ano

Por | 24/08/2017

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

As vendas online estão expandindo mais lentamente na América Latina, em relação aos Estados Unidos, com uma previsão de aceleração, mas permanecendo em uma trajetória relativamente lenta, dando tempo para que os vendedores se adaptarem ao mundo online, segundo dados da Bloomberg Intelligence. Nos últimos cinco anos as vendas em e-commerce nos Estados Unidos cresceram quase o dobro das vendas realizadas na América Latina, em 14.5% CAGR (taxa de crescimento anual composta), contra os 7.5% da América Latina.

É esperado que o crescimento da América Latina alcance 16% anualmente, nos próximos cinco anos, pouco à frente das previsões dos EUA, mas de forma lenta, dado o seu pequeno mercado, ainda com baixa penetração. O crescimento lento da América Latina no mercado de e-commerce dá aos varejistas, como o Walmart do México e o Atacadão do Brasil, tempo para construírem suas operações online, antes que fornecedores experientes da região, como a Amazon.com, com 3% de participação, absorvam muito mais. De acordo com o levantamento da Bloomberg Intelligence, os varejistas físicos e online da América Latina têm uma participação igual nas vendas regionais de comércio eletrônico.

Isso reduz a probabilidade de varejistas tradicionais perderem mercado durante a migração para o online. Porém os varejistas físicos da região ainda podem desfrutar de maior ganho de mercado, uma vez que o mercado está mais fragmentado. Os 10 principais sites de comércio eletrônico da América Latina representam 45% das vendas totais, em comparação com 62% nos EUA e na Ásia. Lojas líderes incluem Lojas Americanas, Casino, do Grupo Pão de Açúcar, Magazine Luiza e Walmex. O Brasil é líder em e-commerce na região, com 2,5% de penetração, impulsionado pelo Mercado Livre e Lojas Americanas.

Leia também: 6 dicas para melhorar a experiência no e-commerce - conteúdo do Mundo do Marketing Inteligência.

Comentários


Acervo

Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2015.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2017. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss