Para jogar o jogo dos gamers

As marcas que buscam entrar no mercado bilionário de games e atrair seu exigente público deste segmento ainda pecam no básico: relacionamento com o consumidor

Leandro Mosconi | 13/08/2019

pauta@mundodomarketing.com.br


Certamente quando pequeno, você já ouviu a frase “desliga o videogame e vá estudar” ou “quando videogame der futuro para alguém, a gente conversa”. Pois é, parece que esse dia chegou. Game já não é mais coisa de criança, mas sim um negócio de gente grande. As cifras crescem ano…

Para continuar lendo, realize o seu login.