Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Entrevistas

A contribuição para o marketing é eterna

Cristiana Arcangeli, nova integrante da ABM, conta em entrevista exclusiva suas contribuições para o marketing

Por | 09/11/2006

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

A contribuição para o marketing é eterna

Por Mariana Oliveira e Bruno Mello
redacao@mundodomarketing.com.br

Cristiana Arcangeli foi nomeada imortal na Academia Brasileira de Marketing - ABM -  no fim de agosto, juntamente nomes como Marcelo Cherto, Nizan Guanaes, José Bonifácio de Oliveira Sobrinho (Boni), entre outros. Eles se juntaram a um grupo de gabaritado de profissionais que inclui Francisco Alberto Madia de Souza, Amália Sina e Francisco Gracioso. Para ser um imortal do marketing é preciso não apenas contribuir de forma positiva para marketing, mas mostrar diferenciais que criam tendências no mundo dos negócios.

Cristiana, porém, não é conhecida somente no mundo dos negócios. O perfil de empreendedora conquistou sucesso com marcas como Phytoervas e a recém lançada Éh, além da inovação em eventos que mais tarde se transformariam no São Paulo Fashion Week e um portal na internet. Ela conta em entrevista exclusiva um pouco de sua trajetória e contribuição para a área.

Quais são as obrigações de ser um membro da ABM?
Identificar, selecionar e organizar as melhores práticas e conceitos do marketing e disseminá-los no ambiente empresarial brasileiro. E, simultaneamente, cuidar para que seu exercício se faça em total consonância com os princípios fundamentais da ética e da responsabilidade social. Agregar competitividade às empresas em atuação no país, muito especialmente em suas incursões internacionais, decorrendo, de suas vitórias e sucesso, um maior desenvolvimento econômico e social do Brasil.

Embora as pessoas tenham a idéia de academia como um lugar tradicional, a proposta da ABM é trazer inovações através de seus membros. Através de quais estratégias a ABM traz novas práticas de marketing?
Na verdade, a Academia tem como principal missão a disseminação do Marketing e suas tendências através do Fórum de Tendências do Marketing que é realizado anualmente num evento dirigido a profissionais e estudantes de marketing. Há livros publicados pela Academia também.
 
Já são seis livros no total, da editora M. Books, que a Academia Brasileira de Marketing apoiou, além de apoiar ainda eventos das áreas de marketing e comunicação, como os Prêmios "Veículos", realizado pela Editora Referência, "Marketing Best" e "Marketing Best Responsabilidade Social", realizado pela Ed. Referência, MadiaMundoMarketing e FGV - EAESP.
 
Quais são os maiores desafios  para os profissionais de marketing da atualidade?
O que vem sendo muito discutido nas reuniões entre os Acadêmicos é como o profissional de marketing hoje pode e deve se valorizar com ações inéditas, e sempre transpor a barreira do preconceito para não ser confundido como "marketeiro", aquele que a imprensa e a população, até por conta de tudo o que o país está vendo em termos de corrupção, infelizmente julgam ser pessoas que só fazem coisas para se promover, de forma nem sempre lícita.
 
Para ser um acadêmico é necessário se "destacar com relevantes contribuições ao marketing". A senhora possui uma carreira de empreendedorismo e de proximidade com o público. Quais diferenciais a senhora destacaria na sua trajetória?
Desde que comecei, com a Phytoervas, quis oferecer ao mercado um produto de qualidade e diferenciado, voltado à natureza, com sinergia entre ambos. A maneira de comunicar esse novo conceito de forma diferenciada, apresentar o produto para se destacar na prateleira, enfim, toda uma estratégia foi pensada para explorar os diferenciais do produto, que inovou o mercado com a primeira fórmula sem sal.
 
Desde esta fase, promovi algumas mudanças como o Phytoervas Fashion, uma nova possibilidade para a moda Brasileira, naquela época ainda pouco divulgada. Hoje em dia, o evento se transformou em  São Paulo Fashion Week e é reconhecido em todo mundo por apresentar os talentos da moda brasileira.
 
Com a Éh permaneço com o mesmo espírito empreendedor, agora um pouco mais voltado à arte. Para lançar a linha, trouxemos um pocket show do Cirque du Soleil antes da turnê no Brasil e vamos desenvolver várias iniciativas com o Éh Teatro e Éh Cinema.
 
A senhora possui um site, é consultora de beleza e apresenta boletins no rádio. Como avalia a aproximação com o público na sua carreira?
Optei por essa plataforma multimídia, pois acredito que o conhecimento pode e deve ser disseminado. Comecei há 13 anos o Radio Fashion, na Radio Eldorado. Depois veio  a coluna de duas páginas na revista VOGUE, o Manual, na TV e as colunas na RSVP, Boa Forma, ente outras . 

Escrevi meu primeiro livro "Beleza para vida Inteira" e agora estou finalizando o segundo "Como viver mais e melhor Para vida Inteira" (Só para homens) - e nesse meio tempo lancei o primeiro portal da América Latina voltado para beleza e bem-estar. Hoje, o público me procura em busca de novidades. É uma excelente maneira de sentir o que eles precisam .

Quais foram os maiores desafios para alavancar a Phytoervas na época?
Trabalhei 12 anos com a marca Phytoervas. O maior desafio mesmo foi o Brasil ter passado pela sua pior fase.

O posicionamento desta nova marca é diferente. A senhora pode contar um pouquinho sobre a Éh?
É uma marca natural. A base dos produtos é natural, não são só produtos químicos com ativos naturais: a base dos produtos é natural. Ele tem uma parte de produto profissional, mas a preços acessíveis. Então esse é o posicionamento: um produto que realmente traz uma performance diferenciada, mas a um preço acessível.

Qual a importância das estratégias estarem alinhadas para se ter sucesso, como no caso da Phytoervas em eventos que geraram a São Paulo Fashion Week apostando nesta nova marca?
Acho super importante você ter várias ações ligadas à marca para divulgar a marca qualquer que ela seja. Na Phytoervas a causa que a gente abraçava era o lançamento de novos estilistas. Com a Éh, estamos atuando no teatro e no cinema. Você ter uma causa que você apóia é importante. E há várias outras ações: promoção, ações no ponto de venda, publicidade exterior, mídia tradicional... Isso tudo junto é que faz a coisa dar certo.

Dentro deste mix de marketing um pouco amplo, hoje em dia estamos numa discussão bem grande entre integração dos serviços e o mercado segmentado. Estamos vendo uma volta ao passado, tudo se integrando. Como a senhora vê a integração destes movimentos e serviços? Dentro deste mix de marketing tem algum serviço que seja fundamental para um produto?
Eu estou trabalhando justamente nisso. Na área de comunicação, a gestão passa por um trabalho multimídia: ter programa no rádio, entrevistas, o site. Estar em todas as mídias é um trabalho de multimídia. Então acho que todas as informações convergem para o site. Não dá mais para trabalhar uma mídia só ou um canal só. Hoje as pessoas estão multimídias e precisamos atingi-las em todas as mídias.

Se a senhora pudesse dar um conselho então, seria atirar para todos os lados?
Não... não sei se atirar, mas fazer uma estratégia que contemple todas as mídias e ter um acesso multimídia, uma tendência multimídia para conseguir impactar o seu consumidor.

Dentro desta estratégia vocês têm feito experimentação, ações de ponto de venda, merchandising ou alguma coisa?
Isso. Todo material de apoio para ponto de venda
 
Você é uma das poucas mulheres entre os membros e trabalha com artigos voltados para as mulheres. O que o olhar feminino pode contribuir?
Um universo como esse - beleza e bem-estar - é fascinante aos olhos femininos por tradição. Os homens têm descoberto aos poucos esse universo e hoje em dia já representam uma boa parte do segmento. Mas esse olhar em busca de novidades é particular, através do feeling, intuição, muita pesquisa e oportunidades.

Acesse
www.cristianaarcangeli.com.br





Comentários


Publicidade

Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2018.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss