Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Canais

Dia do profissional de Marketing: o que você quer ser quando crescer?

O dia oito de maio traz uma reflexão: é necessário também estar sempre em modelo beta. Fazer pequenas experiências. Fomentar a cultura do erro e fazer tudo mais rápido

Por | 06/05/2016

bruno@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

Se chegamos ao dia em que um estudante de ciência da computação em plena Universidade de Stanford chega ao final do curso de graduação, após quatro anos, já desatualizado de tudo que aprendeu em termos de tecnologia, nada como o dia 8 de maio para refletir sobre a profissão de Marketing. Seja em qual escola for, em qualquer parte do mundo, o quadro pintado tende a ser o mesmo. Tudo que envolve a área muda a cada minuto e a sensação de estar desorientado é comum.

Marketing, porém, não é a única profissão que sofre deste mal. "Muita gente não sabe o que vai ser do seu trabalho. Acha que o seu trabalho vai acabar da forma como ele conhece", disse Maira Habimorad, CEO Cia de Talentos e comentarista da GloboNews, em palestra no Grupo de Midia do Rio recentemente. E vai mesmo. Pegue um executivo de Marketing da década 1990, coloque-o numa máquina do tempo e avance para 2016. O que ele fazia não faz mais o menor sentido.

O mais aterrorizante é que se pegamos alguém dos anos 2000 para fazer o mesmo teste daqui três anos, a sensação será a mesma. Há não muito tempo falava-se que o financeiro tomaria conta do Marketing. E tomou. Também falou-se sobre a importância das métricas. Hoje, vemos empresas contratando cada vez mais estatísticos (ou serviços deles) para tocar parte importante das estratégias de Marketing.

O futuro chegou. "O cenário está nos obrigando a repensar o que nós fazemos, como fazemos e o que podemos fazer diferente", comentou Fátima rendeiro, Diretora Geral de Mídia da NBS e Presidente do Grupo de Midia do Rio. Em um mundo não linear, fragmento, multidisciplinar, sistêmico e um com poder distribuído, a principal competência, segundo Maira Habimorad, é aprender a aprender. Não é que vamos jogar tudo o que nos trouxe até aqui fora, pela janela. Não. Devemos estar abertos e, sempre, sempre buscando o conhecimento e novos horizontes.

Passando pelo que Maira chama de "Caminhos Adaptativos" ou o fim das hierarquias. Reconhecemos: ninguém tem mais todas as repostas, em todos os níveis hierárquicos, especialmente os mais altos. Por isso, as empresas devem dar mais autonomia, terem menos níveis e estar cientes que nem todas as soluções estão dentro da empresa. É necessário também estar sempre em modelo beta. Fazer pequenas experiências. Fomentar a cultura do erro e fazer tudo mais rápido.

É necessário também fazer uma disruptura da lógica de trabalho atual. Não só com hora para começar a para terminar, mas essencialmente ter um propósito. É o modelo do "Faça Você mesmo", onde os Youtubers são os melhores exemplos. Falam o que querem, onde querem, da forma que querem, quando querem. Aprender a aprender significa ter "Mentes para o Futuro", com um olhar holístico, amplo, com repertório diferente para resolver os problemas que temos hoje - bem diferentes do que tínhamos no passado.

Cocriação e soluções ganha-ganha fazem parte de um "Pensar ecológico", muito menos focado no ambiental, mas voltado para o compartilhamento, valorizando a experiência ao invés da posse. Por fim, Maira acredita na "Conectação", o bom e velho discurso coerente com a prática, além de uma sensação de pertencimento. Por isso, rever qual é a sua presença neste mundo como profissional e como empresa é essencial.

Neste mundo, de hoje, de agora, a questão "O que você quer ser quando crescer?" faz tanto sentido quando perguntado para uma criança de cinco anos, acredita Maira. Nenhum. Afinal, o cenário que encontremos no curto espaço de tempo será completamente diferente do que vivemos hoje. A questão é "Como vamos fazer o que amamos daqui para frente?". E que a resposta seja, de preferência, com um bom propósito. 

Comentários


Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2015.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2017. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss