Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Blogs

Relacionamento Digital

Segmentação em Web Analytics

Você já tem uma visão completa, com o uso de um Web Analytics, da navegação que os visitantes fazem em seu site. Chegou a hora de aprofundar esta visão agrupando estes visitantes de acordo com suas características.

Por: | 05/12/2006

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

Autor: Ruy Carneiro


Por onde o visitante passa em nosso site é importante para entendermos quais áreas são mais visitadas, onde perdemos nossos visitantes e outros detalhes que nos fazem rever as estratégias que adotamos. Mas será que esta análise serve para todos o nosso público? Creio que não, uma vez que podemos chamar a atenção de um público diversificado e por isso com necessidades diferentes de informação ou serviços.

Mas como analisar as características de cada uma dessas tribos que nos visitam?

Os Web Analytics que trabalham com tag´s e cookies permitem que após o preenchimento do cadastro você utilize um dos campos, por exemplo, para classificar em clusters estas pessoas. Imagine, como no caso do site I-Group.com.br, voce receba visitas de diversos tipos de profissionais como analistas, gerentes, diretores, criativos, designers e por ai vai. Com esta informação é possível guardar em um cookie que tipo de profissional esta pessoa é, e a partir daí analisar sua navegação de acordo com este perfil. Sendo esta apenas uma maneira de segmentar seus visitantes.

Mas porque isso é importante? Imagine que no caso do exemplo do I-Group, ao analisar o funil de vendas, que leva o visitante a contratar a empresa, tenhamos uma desistência de 80%. Será que estas pessoas que desistiram são realmente as pessoas que podem contratar uma empresa de consultoria ou são profissionais que estão procurando mais informações para que os decisores da empresa entrem no site e terminem o ciclo de venda, neste caso os outros 20%? Outro ponto a ser levado em conta é analisar qual o público-alvo que eu vou dar mais foco, que tipo de conteúdo ele realmente procura.

Após a gravação deste cookie, em todas as outras vezes que esta pessoa entrar em seu site você terá uma informação mais rica e específica. Até aqui falamos da fase de identificação do usuário e da coleta de dados da navegação deles, o próximo passo é identificar como o seu serviço de Web Analytics fornece para estes clusters as mesmas informações que ele tem para todos os visitantes.

Aqui no I-Group nós utilizamos o Google Analytics, ele nos permite utilizar a função _utmSetVar para montar os clusters que queremos analisar, e estes passam a ser gravados em um cookie específico do Google Analytics chamado UTMv. Após a coleta dos dados  análise é feita na área de Marketing Optimization, na seção Visitor Segment onde  encontramos a área de User-defined ou podemos fazer esta análise por qualquer tabela numérica onde encontramos o símbolo  . Ao clicarmos neste símbolo, abre-se uma  janela com a opção "Cross Segment Performance", dentro desta opção vemos várias opções e entre elas a de User Defined. Imagine que você esteja vendo as informações de pessoas viram um determinado conteúdo e você necessita saber  o percentual dos grupos que você pré-definiu que viu este conteúdo, e esta é apenas uma das possibilidades.

No caso do Google Analytics voce já tem algumas segmentações básicas como "New vs Returning", "Referring Source", "Geo Location", "Geo Map Overlay", "Network Location", "Language" e "Domains", onde já possui uma série de informações preciosas. Mas se podemos conhecer mais, por que não?

Comentários

Acervo

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2015.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss