Você confia em seus amigos? Você deveria? | Mundo do Marketing

Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Blogs

1 to 1

Você confia em seus amigos? Você deveria?

A cada 2 anos, número de comentários duplica

Por: | 29/11/2013

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

relacionamento,don peppers,clientesTodos nós somos inundados com uma avalanche crescente de informações, e nós usamos a confiança como um filtro.
Qual é a primeira coisa que você faz quando chega ao trabalho pela manhã e encontra 50 e-mails na sua caixa de entrada? Excluir… excluir… excluir - excluir - excluir - certo? O filtro de primeira instância é a confiabilidade desses e-mails. Os primeiros que você exclui são as propagandas, promoções e outros e-mails de interesse próprio transmitindo também seu próprio ponto de vista de forma excessiva. Olhe para mim, compre de mim, leia-me, eu sou maravilhoso.

Em meu outro post, "Como saber quando os dados são confiáveis", eu sugeri que antes de ser confiável, a informação tem de ser objetiva e precisa. Precisão, eu disse que era algo que poderia ser geralmente testado e verificado com os processos corretos, mas a objetividade era mais uma questão de opinião. E a opinião menos objetiva de todas é a sua própria, pois somos todos incapazes de reconhecer nossas próprias tendências inerentes.

No entanto, eu disse, a filtragem social ou a prática de verificar as opiniões de amigos e conexões, é um método cada vez mais útil para avaliar a objetividade da informação, porque, quando os próprios anunciantes falam a respeito de seus produtos, são claramente tendenciosos, já a opinião dos seus amigos são suscetíveis a serem mais objetivas. Em uma pesquisa recente, 70% dos consumidores disseram que confiam nas opiniões de seus amigos, enquanto apenas 10% disseram que confiam nos anunciantes.

Muitos dos comentários sobre este post, no entanto, se referem ao fato de que as próprias opiniões de amigos não são necessariamente imparciais e objetivas. Esta é uma observação correta. Seus amigos são seres humanos, e todos os seres humanos tem tendências. Nenhuma opinião vinda de um ser humano - seja sua ou de qualquer outra pessoa - é verdadeiramente objetiva.

No entanto, há uma diferença entre o tipo de inclinação que seus amigos tem e o tipo de inclinação que um anunciante terá. A tendência do anunciante será sempre inclinada para que você comece a comprar. Praticamente 100% das vezes, isso é o que as informações fornecidas por um anunciante serão projetadas para levá-lo a comprar.

As inclinações de seus amigos, por outro lado, serão baseadas em suas próprias experiências pessoais ou pontos de vista. Às vezes, um amigo vai ser tendencioso de uma forma positiva para o produto ou serviço que você está olhando, embora às vezes ele possa ser um negativamente tendencioso.

As tendências dos seus amigos, em outras palavras, não são inerentemente pró ou contra ao se tratar do produto que você está consultando-os sobre. Em vez disso, as tendências deles são mais ou menos como "erros aleatórios", no sentido de que poderia ir para qualquer um dos lados.

E, embora seja provável que nunca haja uma divisão exata de 50-50 entre "erros" positivos e negativos, as inclinações dos seus amigos tendem a anular-se mutuamente. Se você tiver amigos suficiente, teoricamente, você pode medir suas opiniões (prós e contras), e o resultado provavelmente será equivalente a uma avaliação muito mais precisa de qualquer produto ou serviço que você estiver olhando.

Você pode pensar que isso é fantasia, mas a cada dois anos, o número de opiniões e comentários de amigos que você será capaz de acompanhar duplica. Em 20 anos, você terá mil vezes mais acesso às opiniões de amigos. Você vai precisar de um aplicativo de smartphone só para acompanhá-los. E quando isso acontecer, lembre-se do que eu disse:

Sim, as opiniões dos seus amigos são tendenciosas. A opinião de todos é tendenciosa. Mas os seus amigos tem boas intenções e suas inclinações são distribuídas de forma aleatória.

Este é o futuro da filtragem social. E, no futuro, esta é a forma como os consumidores tomarão suas decisões.

Comentários

Biografia

Blog sobre gestão de clientes, envolvendo estratégia, experiência, fidelidade, redes sociais, tendências e engajamento

Arquivos


Este blog reflete única e exclusivamente a opinião do seu autor e não necessariamente o posicionamento jornalístico que norteia o Mundo do Marketing.

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2018.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss