Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Artigos

A relevância da Personal Data no cenário brasileiro

Está surgindo um novo mercado de monetização principalmente Personal Data, visando obter todos os dados comportamentais provenientes de diversas tecnologias

Por | 12/11/2013

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

Diariamente, estamos sendo bombardeados com novas notificações sobre as atividades feitas pela unidade de segurança nacional americana,  como a violação de dados do Google e de outros, infringindo diretamente as leis de privacidade.

Na última semana, no cenário brasileiro, tivemos a importante votação do Marco Civil, que tem como pilares a neutralidade da rede e o direito da privacidade, como também, que os dados estejam hospedados em data centers brasileiros.  

Ao mesmo tempo, o Facebook começa a utilizar tecnologia para o melhor rastreamento do comportamento do usuário nas redes sociais, tendo como consequência a alta mineração de dados formando a Personal Data.

De acordo com o sociólogo Bauman, o conceito de amizade tem se tornado fácil, atrativo e superficial, e desestimulando o senso de comunidade inserido neste contexto remontando à momentos passados.

Em países onde a comunicação é restrita, ativistas são presos por expressar situações de caos e crises políticas usando as redes sociais, reforçando a linha tênue entre a liberdade de expressão e o direito da privacidade.

A importância da transparência reside desde sua aplicação para os meios civil e militares como BlueLine, site especializado na troca de políticas e regulamentos para os oficiais americanos.

Simultaneamente, está surgindo um novo mercado de monetização principalmente Personal Data, visando obter todos os dados comportamentais provenientes de diversas tecnologias e extensões, tendo como consequência alta personalização de publicidade e propaganda.  

Hoje, somos apenas uma opção transmitida através de um mosaico de imagens, interesses e elos comuns; cercado no ciclo de desejos e necessidades que permeiam nossa temporalidade diária.

Agora, convido a reflexão como será formada a sociedade futura cercada de relacionamentos instantâneos, monitorada por diversos olhares tanto na esfera pública e privada, desenhada diariamente através de códigos e selos imagéticos micro-segmentados exercendo influência no nosso padrão comportamental diário.

Por: Tatiana Tosi

Pesquisadora de tendências e comportamentos sociais digitais, com ênfase em Netnografia. Pós-Graduada em Marketing pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (SP). Especialista em Inteligência Competitiva nas Redes Sociais pela Fundação Getulio Vargas (SP). Hoteleira, formada pela SHA Les Roches Management School (Bluche, Suíça).Professora de Netnografia ? Comportamento do Consumidor Digital nas seguintes cursos: MBA em Gestão Empreendedora em Marketing Digital ? B.I Internacional, Pós Graduação em Estratégias Digitais, Redes e Mídias Sociais ? Sustentare Escola de Negócios, Pós-Graduação em Gestão da Comunicação em Mídias Digitais ? Senac São José dos Campos e Pós-Graduação em Marketing Digital e Negócios Interativos ? ILADEC Campinas.


Comentários


Publicidade

Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2018.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss