Innovate or Die! | Mundo do Marketing

Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Artigos

Innovate or Die!

Investir na área denominada pelos americanos de Strategic Foresights ou de pesquisa e análise preditiva e estratégica de tendências é a bola da vez

Por | 18/04/2013

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

Nesse momento não dá para atrasar os relógios e muito menos ignorar a movimentação rápida dos cronômetros. Tudo passa com uma velocidade estonteante. Hoje sabemos que é inevitável aproximarmos o campo das pesquisas de tendências e de consumer insights com a cultura e gestão da inovação. Em uma nova economia da informação e gestão do conhecimento, investir na área denominada pelos americanos de Strategic Foresights ou de pesquisa e análise preditiva e estratégica de tendências é a bola da vez.

Todos sabem que as empresas precisam não apenas prever os passos da concorrência, mas se adiantar e gerenciar as incontáveis mudanças que estão se dando no contexto do mercado que atuam ou que poderiam vir a atuar. Muitas empresas ainda miram o retrovisor ou resolvem agir de forma reativa, mas poucas sabem ou estão simplesmente dispostas a analisar de forma mais profunda os cenários em transformação, gerenciar mudanças e pensar de forma pró-ativa e inovativa.
 
As empresas que querem ganhar vantagem competitiva precisam adiantar as necessidades de seus prospects e clientes, prever e prover soluções para as demandas cada vez mais pontuais e customizadas de seus públicos. O Marketing precisa agir de forma mais responsiva e em real time com as oscilações do mercado. De agora em diante, a velocidade das mudanças será cada vez mais intensa.

Hoje em dia planejamento estratégico se faz mirando com olhos bem abertos, observando sem preconceitos e com muita intuição o futuro próximo, compreendendo a evolução no comportamento e nas atitudes dos seus públicos, colhendo insights do presente e ao mesmo tempo  se preparando para os desafios de uma sociedade em continua remodelação. Os líderes de sucesso são aqueles líderes com mente aberta e espírito visionário, que sabem transformar os shopper insights em construção de valores relevante. Não nos serve mais a miopia do Make & Sell, mas a astucia do Sense & Respond. É preciso, como dizem os americanos,  "observe to serve", pois esse é o mantra desta nova fase da gestão de mercados.

As revoluções tecnológicas provocaram um alto impacto no modo de se fazer Marketing e estão modificando profundamente a maneira que as pessoas vivem, interagem  e consomem. Entretanto os avanços da telemática (telecomunicações e informática) não são os únicos responsáveis por estas mudanças na maneira das pessoas pensarem e se comportarem. A vida digital não é a única protagonista da cena contemporânea.

Engana-se quem apenas quer observar tudo por essa janela e por essa ótica.  Há também os impactos relacionados às mudanças na economia mundial, na política e nos valores sociais da contemporaneidade. As mudanças de mentalidade e atitude, nos estilos de vida e nos projetos e aspirações em constante remodelação das gerações que estão no comando da economia e do mercado forçam as empresas a repensar seus modelos e práticas de negócios.

Hoje o mundo é outro. E assim será. O maior nível de exigência, participação e informação dos consumidores, a valorização da responsabilidade socioambiental por parte de todos, as movimentações nas pirâmides de consumo e na estratificação de classes na economia das nações, as mudanças nas taxas sócio-demográficas e as mudanças e novas tendências impactando o comportamento de homens e mulheres, idosos e crianças e refletindo nas suas demandas por novos valores e soluções e nas suas experiências de compra e consumo.

A grande pergunta hoje é: em que negócios iremos e queremos estar no futuro? E o futuro já é daqui a pouco. Não dá para sentar e esperar. Todos sabemos, hoje, que o Marketing é uma ciência social aplicada e com viés fortemente comportamental. Profissionais do mundo dos negócios que negligenciarem os fatores socioculturais por miopia, desconhecimento ou preconceito do tema, estarão condenados a não entenderem seus públicos, perderem vantagem competitiva e participação.

Fique por dentro: Tendências de Branding, Marketing, Varejo e Consumo: Nova York
Levantamento direto de Nova York com diversas lojas, supermercados e shopping da cidade

+ Mundo do Marketing

Por: Sergio Lage Carvalho

Consultor e professor do Master e MBA da ESPM, FIA Provar, FIT e MBA Branding Rio Branco


Comentários


Inteligência Inteligência

Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2019.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2019. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss