Artigos

Publicidade
Publicidade

Pequenas e médias empresas: conhecendo o ciclo de vida de seus produtos ou serviços

Por Redação - 27/10/2008

Pequenas e médias empresas: conhecendo o ciclo de vida de seus produtos ou serviços

Por Alessandro Basile*

O desconhecimento do momento em que a empresa se encontra é um dos principais fatores que levam à desagregação dos negócios. Produtos e serviços têm ciclo de vida e é muito importante conhecê-los, pois disso depende a otimização de resultados, a comunicação mais efetiva, o planejamento estratégico. Conheça aqui, mais de perto, os ciclos de vida de um produto ou serviço, que vão da introdução ao declínio, passando por crescimento e maturidade. Ao conhecer estes ciclos você pode planejar com mais eficácia e compreender, inclusive, a hora certa de inovar.
 
Conhecer melhor sua empresa, suas forças e fraquezas, ameaças e oportunidades são os primeiros passos para conhecer o todo e, a partir daí, planejar e mudar o seu resultado.

Uma das principais fragilidades das pequenas e médias empresas é, justamente, a falta de informação. A maioria das empresas atua de forma reativa, ou seja, reagindo a situações específicas de mercado como a inovação da concorrência, a guerra de preços deflagrada pela concorrência ou fusões.

Para não agir às cegas, as empresas precisam reunir informações importantes que, muitas vezes, não estão visíveis e precisam ser garimpadas e pesquisadas, algo difícil para empresas com times enxutos, muito focados nas operações do dia-a-dia. Um exemplo dramático é o que diz respeito ao ciclo de vida dos produtos ou serviços. Neste momento você conhece o ciclo de vida dos produtos ou serviços de sua empresa?

De modo geral, até mesmo para empresas prestadoras de serviços, os produtos apresentam ciclos de vida que já foram amplamente pesquisados e estudados. Estima-se que os ciclos de vida são 4: introdução, crescimento, maturidade e declínio. A introdução é o momento em que o produto é idealizado e lançado no mercado, configurando-se em uma inovação, trazendo como diferencial justamente o fato de ser novo, inovador.

O crescimento é o momento em que o produto avança no mercado, conquistando consumidores de modo lento e gradual ou arrebatador e vertiginoso. Com o passar do tempo, este produto conquista uma fatia de mercado e se consolida como uma opção para o consumidor.

Entra assim na fase da maturidade, que pode ser longa ou curta, dependendo das ações de marketing da empresa. Por fim, em função da concorrência, das inovações, da disputa por preço, o produto entra em declínio, podendo deixar de ser lucrativo e até deixar o mercado.

Você conhece o ciclo de vida dos produtos ou serviços de sua empresa? Conhecer essa informação pode significar a diferença entre lucro ou prejuízo, obsolescência ou inovação. Se você não tem essa informação, pode ser importante pedir ajuda especializada para conhecê-la, pois isso pode significar a renovação de seu negócio.
 
* Alessandro Basile é sócio da AGMKT – Estratégia Empresarial, publicitário, pós-graduado em Comunicação com Mercado pela ESPM, com especialização pela FGV e Consultor de Marketing para Pequenas e Médias Empresas. E-mail: basile@agmkt.com.br

Por: Redação

Artigos do Autor