Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Artigos

Publicidade

O impacto da marca

Adriana Azevedo pergunta: Sua marca faz e tem um relacionamento saudável?

Por | 29/08/2008

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

O impacto da marca

* Por Adriana Azevedo

Muito já se falou sobre como impactar consumidores, mas não custa dar mais uma cutucada no assunto. A propósito: Como anda a relação da sua marca com o seu público-alvo? Ou a relação Consumidor x Marca? Atualmente sua relação está saudável?

Então, raciocina junto comigo: será que hoje vale a pena gastar milhões de reais com ações de merchandising na televisão, inserindo produtos em cenários que são pura ficção para o telespectador? Ou até mesmo continuar com aquele velho formato matutino e vespertino nos programas voltados para as donas de casa e adolescentes, geralmente desrespeitando a inteligência do telespectador, cortando a parte mais legal da matéria no meio para nos impactar e nos vender algo que a gente geralmente não precisa. Mas já parou pra pensar que esse impacto pode ser negativo para sua marca e até mesmo para o seu programa?

Hoje existem ferramentas que permitem que você descubra onde está o seu consumidor ideal. E também conheça seus hábitos de consumo, através do que eles lêem e dos sites que visitam. Tudo muito claro. Quem consome esportes, vai aceitar muito melhor ser impactado pela Nike do que alguém que consome e navega por sites esotéricos ou de receitas culinárias.

Essa verba poderia ser utilizada de maneira mais inteligente e interativa, principalmente se for gasta em web. A web permite um conhecimento mais profundo do perfil dos consumidores além de proporcionar mais interatividade nessa relação tão delicada Marca X Consumidor. Quantas pessoas do seu convívio cotidiano você sabe que compraram algo com esse tipo de impacto televisivo? Eu, particularmente, nenhuma.

E quantas vezes você já se pegou com uma certa antipatia por um determinado produto por causa dessa pratica abusiva? A hora do intervalo é sagrada, foi feita para isso, para nos impactar, para a emissora ganhar por todo aquele conteúdo que foi gerado para você, para mim. Então considero a conta bem paga por nós consumidores durante o intervalo.

Quem nunca se emocionou com uma bela campanha publicitária, como aquela da margarina Mila com crianças nuas em Estocolmo, no início dos anos oitenta? Ou quem não se lembra das "carinhas divertidas" de Doriana ou das campanhas de verão com muito sol e Tom Jobim criadas pela Coca-Cola? Bons tempos da propaganda popular brasileira.

Atualmente, aquela marca "que não tem preço" e que hoje tem uma preocupação com o seu público-alvo que até está convidando a contar o que não tem preço para eles, criando um hotsite para essa integração interativa. E o prêmio? Nada demais, apenas o consumidor ter o prazer de se emocionar e emocionar os outros com suas "histórias reais" que não têm preço. Um belo exemplo de como se comunicar e respeito pelo seu público-alvo.

São marcas que lembramos com carinho, autênticas "brand images", como aquele belo cãozinho da Cofap, ou que rimos com aqueles desenhos divertidos de Tostines, ou até mesmo brincamos - "ah, seu lobo, faz com Cremogema!". São marcas que nos remetem ao passado, têm perenidade e cheiro de infância, claro era uma outra forma de se comunicar. A comunicação mundial pode ter mudado na forma, mas não no conteúdo. As pessoas continuam sonhando com valores muito próximos aos da nossa infância, seja a sua infância nos anos cinqüenta, sessenta, noventa ou dois mil.

Hoje os consumidores querem contar suas histórias e a maioria das empresas quer saber. Milhares de hotsites são criados todos os anos em busca de aproximação, dessa intimidade. Afinal, posso dizer que muitas marcas são íntimas do meu cotidiano, como minha pasta de dente, meu shampoo, meu absorvente, meu requeijão, mas hoje fazemos questão de participar se quisermos e na hora que quisermos. A internet possibilitou essa liberdade de escolha para a comunicação e para todos. E então? Sua marca faz e tem um relacionamento saudável?

* Adriana Azevedo é PR/Marketing da AUNICA the tagnology company E-mail: adriazevedo@gmail.com

Por: Redação




Comentários

Artigos do autor:

CMOs colaborativos são essenciais para crescimento de negócios

Compras do Dia das Crianças serão maiores em lojas físicas

3 Livros para auxiliar no planejamento de Marketing

Eleições e instabilidade não barraram investimentos em Marketing

Apesar do avanço de streaming, rádio impacta 86% da população

Inovação é necessidade estratégica para manter vantagem competitiva

Youtube mira no streaming e apresenta Youtube Music e Youtube Premium

Metade dos profissionais não colocam consumidores em primeiro lugar

Mercado de panetone cresce no Brasil

Preferência por fast-food varia conforme região brasileira

Smartphone será meio mais utilizado para compras do fim de ano

Fundação e Instituto Arcor lançam campanha de incentivo ao brincar

Mobile avança como mídia no mercado brasileiro

Infraestrutura das lojas virtuais garante o sucesso na Black Friday

5 tecnologias que mesclarão o trabalho entre humanos e máquinas

Pesquisa Heineken: mais da metade dos adultos bebem quando dirigem

PMEs estão confiantes na era da Inteligência Artificial

O que muda no atendimento ao consumidor com a API do WhatsApp

As 10 marcas mais lembradas pela diversidade em propaganda

Vivo, Raízen e Ericsson abrem chamada de startups com foco em IoT

Brasileiros são receptivos a anúncios digitais e querem personalização

5 inovações do Google Brasil em anúncios

Cabify faz parceria e product Marketing com Grupo Rouge

5 insights da Beleza na Terceira Idade

Grupo Edson Queiroz cria nova divisão de águas

Nível de atenção dos profissionais está mudando

C&A cria Fashion Futures para debater o futuro da moda

Brasil é o segundo maior país em buscas sobre beleza

Supermercado online avança globalmente

Comportamento do consumidor no quarto trimestre

Número de investimentos em insurtech sobem

Publicidade em aplicativos movimenta mais de 3 bilhões de dólares

Dia dos Pais aquece segundo semestre de 2018

Marketing 60+: a importância do consumidor sênior

Geração Z quer tecnologia para testar produtos na loja física

Busca por experiências fazem brasileiros se presentearem mais

Brasileiros preferem comprar online e buscar na loja física

Falta de experiência afasta consumidor do e-commerce

Homens são mais conservadores em relação aos produtos de beleza

Marcas crescem no Youtube com a Copa do Mundo

Masculinidade: como os homens tem se comportado

Brasileiros que vivem de forma leve sentem mais prazer na vida

O valor das marcas patrocinadoras da Copa e da Seleção Brasileira

Nescau incentiva a inovação em exposição de produtos

Itaú é a marca mais mencionada no Twitter sobre Copa2018

Millennials ganham atenção do mercado de luxo

VidCon 2018: Youtube aposta em novas ferramentas

Restaurantes com promoções durante a Copa do Mundo são mais atrativos

Clientes estão muito mais exigentes, aponta Salesforce

Nescau convida consumidores de Toddy a torcerem junto pela seleção



Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2018.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss