Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Artigos

Publicidade

Porque as pessoas ainda não aderiram ao e-commerce?

Porque as pessoas ainda não aderiram ao e-commerce?

Por | 19/12/2006

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

Porque as pessoas ainda não aderiram ao e-commerce?

Por Felipe Morais*

Por residir próximo a um grande shopping de São Paulo, os últimos dias tem sido um verdadeiro inferno para mim. Estamos a poucos dias do Natal e como sempre, as pessoas deixaram os presentes para os 45 minutos do 2º tempo.

Ainda fico um pouco surpreso ao ver as pessoas ficando uma hora na fila do estacionamento de um shopping ou ficar rodando atrás de presentes. Estamos na era da Internet. Quase tudo pode ser comprado via web.

Concordo que há produtos como roupas e sapatos que dificilmente serão itens comercializados por esse canal, pois as pessoas ainda precisam experimentar para decidir pela compra, mas ainda sim muitos produtos podem ser comprados em lojas virtuais. De forma prática, segura, com conforto e comodidade. Até comida se compra pela Internet hoje em dia.

Particularmente eu prefiro fazer uma compra via Submarino.com ou Americanas.com (que agora se uniram para formar uma única loja) sentado em minha cadeira tomando um refrigerante ao invés de enfrentar uma fila imensa atrás dos presentes. Fico lá por horas sem que ninguém me interrompa, sem filas, sem trânsito, sem que vendedores tentem me empurrar produtos que eu jamais vou usar, mas que eu preciso levar, pois "estão na promoção".

As compras online estão se modernizando e cada vez mais seguras. Posso falar isso com convicção, pois sou um "e-comprador" há bastante tempo e nunca tive problemas, aliás, para ser mais abrangente nunca conheci ninguém que comprou algo em lojas online e teve algum tipo de problema. Cheguei a comprar presentes em lojas pequenas e sempre honraram o compromisso.

A segurança não está apenas nos selos de proteção presentes nos sites que possuem lojas virtuais. Estão presentes também nas formas de pagamento pelo produto adquirido.

Recentemente li em alguns blogs o novo produto do banco HSBC, o MCASH. Esse sistema permite que as pessoas comprem seus produtos em lojas online e o pagamento seja debitado direto da sua conta corrente, sem precisar passar pelo cartão de crédito.

A pessoa efetua a compra, recebe 2 tipos de confirmação (SMS e voz) e só depois dessas confirmações, mais uma senha exclusiva digitada no celular (e que não é armazenada) é que o débito é feito. Rápido e seguro. As más notícias são que apenas 6 lojas são cadastradas (ainda) e apenas clientes HSBC podem usar essa tecnologia.

Cada vez mais estaremos presenciando a convergência de mídias. Celulares "falando" com a Internet que se comunicam com palm tops e sistemas de GPS.  Isso é excelente não apenas aqueles que trabalham e acreditam na Internet (como eu), mas é bom também para empresas que oferecem conforto e comodidade a seus clientes através de sistemas inteligentes que facilitam a vida agitada e corrida desse consumidor.

Não se tem mais tempo para sair e fazer compras, essa é a chave do sucesso para o crescimento do e-commerce, que no Brasil dobra de faturamento a cada ano. Me incluo nesse item perfeitamente.
As pessoas não podem perder uma hora indo a shopping, mas podem se dar o luxo de em 5 minutos sentados na frente de seu computador efetuar a compra de um presente, que pode tanto chegar na casa da pessoa como ser enviado para a sua casa e ela mesmo entregar.

Devemos olhar para a população brasileira e ver que não são todos que possuem Internet e Cartão de Crédito para efetuar uma compra online, mas acredito que uma grande parte dos 33 milhões de internautas brasileiros possuem cartões de crédito, mas ainda preferem usá-los em shoppings enfrentando filas, congestionamentos e pagando estacionamentos caros. Trocam o conforto pela guerra. E ainda reclamam.

* Felipe Morais é publicitário, pós-graduado em Planejamento Estratégico e coordenador de planejamento e mídia da A1 Brasil e mantém o Blog do Marketing http://felipe.morais.zip.net

Por: Redação




Comentários

Artigos do autor:

Transações via smartphones representam 41% das vendas no Brasil

Relevância do Trade Marketing aumenta em agências, indústria e varejo

CMOs colaborativos são essenciais para crescimento de negócios

Compras do Dia das Crianças serão maiores em lojas físicas

3 Livros para auxiliar no planejamento de Marketing

Eleições e instabilidade não barraram investimentos em Marketing

Apesar do avanço de streaming, rádio impacta 86% da população

Inovação é necessidade estratégica para manter vantagem competitiva

Youtube mira no streaming e apresenta Youtube Music e Youtube Premium

Metade dos profissionais não colocam consumidores em primeiro lugar

Mercado de panetone cresce no Brasil

Smartphone será meio mais utilizado para compras do fim de ano

Preferência por fast-food varia conforme região brasileira

Fundação e Instituto Arcor lançam campanha de incentivo ao brincar

Mobile avança como mídia no mercado brasileiro

Infraestrutura das lojas virtuais garante o sucesso na Black Friday

5 tecnologias que mesclarão o trabalho entre humanos e máquinas

Pesquisa Heineken: mais da metade dos adultos bebem quando dirigem

PMEs estão confiantes na era da Inteligência Artificial

O que muda no atendimento ao consumidor com a API do WhatsApp

As 10 marcas mais lembradas pela diversidade em propaganda

Vivo, Raízen e Ericsson abrem chamada de startups com foco em IoT

Brasileiros são receptivos a anúncios digitais e querem personalização

5 inovações do Google Brasil em anúncios

Cabify faz parceria e product Marketing com Grupo Rouge

5 insights da Beleza na Terceira Idade

Grupo Edson Queiroz cria nova divisão de águas

Nível de atenção dos profissionais está mudando

C&A cria Fashion Futures para debater o futuro da moda

Brasil é o segundo maior país em buscas sobre beleza

Supermercado online avança globalmente

Comportamento do consumidor no quarto trimestre

Número de investimentos em insurtech sobem

Publicidade em aplicativos movimenta mais de 3 bilhões de dólares

Dia dos Pais aquece segundo semestre de 2018

Marketing 60+: a importância do consumidor sênior

Geração Z quer tecnologia para testar produtos na loja física

Busca por experiências fazem brasileiros se presentearem mais

Brasileiros preferem comprar online e buscar na loja física

Falta de experiência afasta consumidor do e-commerce

Homens são mais conservadores em relação aos produtos de beleza

Marcas crescem no Youtube com a Copa do Mundo

Brasileiros que vivem de forma leve sentem mais prazer na vida

Masculinidade: como os homens tem se comportado

Nescau incentiva a inovação em exposição de produtos

O valor das marcas patrocinadoras da Copa e da Seleção Brasileira

Itaú é a marca mais mencionada no Twitter sobre Copa2018

Millennials ganham atenção do mercado de luxo

VidCon 2018: Youtube aposta em novas ferramentas

Restaurantes com promoções durante a Copa do Mundo são mais atrativos



Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2018.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss