Patrocínio esportivo: cuide de sua marca | Mundo do Marketing

Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Artigos

Patrocínio esportivo: cuide de sua marca

Patrocínio esportivo: cuide de sua marca

Por | 03/10/2007

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

Patrocínio esportivo: cuide de sua marca

Por Rafael Niro*

No início de agosto, os assinantes de TV a cabo acompanharam mais uma etapa do X-Games, realizado em Los Angeles, Estados Unidos. Considerada as olimpíadas dos esportes radicais, a competição tornou-se uma oportunidade única para se compreender como a relação atleta-patrocinador é tratada nos Estados Unidos, Canadá e Europa.

Num primeiro momento, alguns minutos em frente à TV foram suficientes para notar como as marcas dos patrocinadores eram expostas nos uniformes e equipamentos dos atletas. Parecia uma coreografia. Traçando um comparativo com o que ocorre no Brasil, o espectador tem que se esforçar muito para tentar descobrir quem apóia seu atleta predileto. O comprometimento com a marca do patrocinador costuma ser ínfimo, quase nulo.

A exemplo de atletas norte-americanos e europeus é evidente que atitudes previamente estabelecidas, adotadas por ambas as partes, fazem do esporte um segmento muito mais atrativo e rentável. A proximidade entre marca patrocinadora e atleta-modalidade é de extrema importância para que as oportunidades sejam trabalhadas de maneira otimizada.

Esta prática permite, inclusive, que os veículos de comunicação assegurem maior visibilidade à marca patrocinadora. Equipes e atletas dependem do apoio financeiro de empresas privadas para obter as mínimas condições de treinamento e a certeza de que irão participar das principais provas de suas categorias. Diante deste cenário, é fundamental que o patrocinado tenha a consciência de que estará representando uma marca, e até mesmo o grupo de pessoas que trabalham naquela empresa que o está apoiando.

Por outro lado, as empresas que buscam obter algum retorno através do esporte, precisam levar a sério o patrocínio esportivo. Conheço casos de empresas que enxergam o patrocínio como uma espécie de favor por apreço por determinado atleta ou modalidade. É preciso planejamento, pois são inúmeras as possibilidades que podem ajudar a empresa a atingir um índice considerável de exposição de marca. Entre as mais comuns, podemos citar a utilização dos produtos da marca - pelo atleta - em coletivas de imprensa, premiações e eventos sociais. O patrocinador também pode e deve cobrar atitudes do esportista apoiado, mas para isso há que se garantir condições para a utilização de seus produtos.

Outro fator importantíssimo é a presença dos responsáveis de marketing no dia-a-dia da equipe, uma vez que somente ao presenciar a competição pode-se desenhar a melhor estratégia de divulgação da marca. Não importa que modalidade ou atleta esteja sendo apoiado, não é aceitável que os atletas dêem entrevistas sem que a marca do patrocinador seja exposta ou mesmo flagrá-los com produtos de marcas diferentes das de seus investidores.

Se alguns cuidados forem tomados, a cobertura da mídia será bem maior e o mercado esportivo passará a ser mais atrativo para todos. A evolução do profissionalismo trará benefícios não só aos esportistas e patrocinadores, mas a todos aqueles que se relacionam com o esporte de alguma forma. A mídia cumprirá seu papel de divulgadora e os espectadores de fãs. Para isso, cada um deve vestir sua camisa e honrar o papel que desempenha.

* Rafael Niro é diretor da agência Atena Marketing Esportivo. E-mail: rafael@atenamktesportivo.com.br

Acesse
www.atenamktesportivo.com.br

Por: Redação




Comentários

Artigos do autor:

4 livros de Marketing para leitura de fim de ano

Como alavancar sua estratégia de Inbound Marketing

Black Friday deve crescer 13,3% em relação a 2017

Marcas se destacam ao antecipar Black Friday

Como fidelizar clientes após a Black Friday?

Brasil é um dos principais mercados para diversidade em Marketing

Black Friday une empresas na Virada Black Liberdade

Discriminação de gênero é problema entre meninas da Geração Z

Centennials: o novo motor econômico para as marcas

Após 15 anos, Roberto Gnypek deixa McDonald’s

Consumo de disco de vinil aumenta no Brasil

Tinder abre espaço para criadores de conteúdo

7 dicas para impulsionar as vendas de PMEs na Black Friday

Transações via smartphones representam 41% das vendas no Brasil

Relevância do Trade Marketing aumenta em agências, indústria e varejo

CMOs colaborativos são essenciais para crescimento de negócios

Compras do Dia das Crianças serão maiores em lojas físicas

3 Livros para auxiliar no planejamento de Marketing

Eleições e instabilidade não barraram investimentos em Marketing

Apesar do avanço de streaming, rádio impacta 86% da população

Inovação é necessidade estratégica para manter vantagem competitiva

Youtube mira no streaming e apresenta Youtube Music e Youtube Premium

Metade dos profissionais não colocam consumidores em primeiro lugar

Mercado de panetone cresce no Brasil

Smartphone será meio mais utilizado para compras do fim de ano

Preferência por fast-food varia conforme região brasileira

Fundação e Instituto Arcor lançam campanha de incentivo ao brincar

Mobile avança como mídia no mercado brasileiro

Infraestrutura das lojas virtuais garante o sucesso na Black Friday

5 tecnologias que mesclarão o trabalho entre humanos e máquinas

Pesquisa Heineken: mais da metade dos adultos bebem quando dirigem

PMEs estão confiantes na era da Inteligência Artificial

O que muda no atendimento ao consumidor com a API do WhatsApp

As 10 marcas mais lembradas pela diversidade em propaganda

Vivo, Raízen e Ericsson abrem chamada de startups com foco em IoT

Brasileiros são receptivos a anúncios digitais e querem personalização

5 inovações do Google Brasil em anúncios

Cabify faz parceria e product Marketing com Grupo Rouge

5 insights da Beleza na Terceira Idade

Grupo Edson Queiroz cria nova divisão de águas

Nível de atenção dos profissionais está mudando

C&A cria Fashion Futures para debater o futuro da moda

Brasil é o segundo maior país em buscas sobre beleza

Supermercado online avança globalmente

Comportamento do consumidor no quarto trimestre

Número de investimentos em insurtech sobem

Publicidade em aplicativos movimenta mais de 3 bilhões de dólares

Dia dos Pais aquece segundo semestre de 2018

Marketing 60+: a importância do consumidor sênior

Geração Z quer tecnologia para testar produtos na loja física



Acervo

Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2018.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss