Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Artigos

Publicidade

Como o Geomarketing pode ajudar a encontrar o ponto ideal

A diferença entre montar uma loja de alta performance, ou ter que se conformar com um ponto ruim está em cinco passos para utilizar na sua empresa

Por | 21/05/2014

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

Com o crescimento acelerado das cidades e as frequentes transformações no perfil do consumidor, a escolha do ponto ideal para a expansão de seu negócio deve ser um dos primeiros itens a ser considerado. Muitos profissionais que trabalham com análises de mercado já ouviram falar de Geomarketing e suas ferramentas, que podem agilizar e melhorar a qualidade das suas decisões de investimento.

O cruzamento de dados de localização com informações de renda, idade, escolaridade e outros aspectos torna possível encontrar e entender o público-alvo do produto ou serviço a ser comercializado. Na prática isso pode ser a diferença entre montar uma loja de alta performance, ou ter que se conformar com um ponto ruim. Seguem abaixo cinco passos para utilizar esse conhecimento a seu favor:

1 - Mantenha uma base de dados atualizada, única e confiável
Ter um banco de dados para consultar e coletar dados é o primeiro passo para traçar estratégias por meio do uso de recortes demográficos e socioeconômicos. Muitas empresas os utilizam para orientar sua tomada de decisão e seu planejamento. No entanto, algumas delas ainda perdem tempo pesquisando dados manualmente, ou compram essas informações de terceiros que não as mantêm atualizadas. Dessa forma, as chances de errar ao planejar são grandes.

2 - Padronize sua metodologia
Manter o controle dos dados é a melhor forma de descobrir falhas e oportunidades para tomar decisões mais assertivas. Para empresas que estão crescendo, isso possibilita planejar com mais precisão os próximos passos e bater metas estabelecidas. Seguir uma metodologia padrão permite, por exemplo, entender os métodos bem sucedidos em unidades com boa rentabilidade e adotá-los em lojas que não têm se mostrado tão rentáveis.

3 - Conheça seu negócio
Parece óbvio, mas nem todos os gestores sabem, de fato, como é o funcionamento da organização em que se trabalha. Não é só o core da empresa que o gestor precisa conhecer, mas deve ter na ponta da língua onde estão todas as fábricas, unidades, quais são as mais e menos rentáveis, quantos são os colaboradores, se seu centro de distribuição fica muito distante do seu maior ponto de consumo, quem são seus principais concorrentes e como o segmento se movimenta. Sem um conhecimento 360° do negócio é quase impossível executar um planejamento eficiente.

4 - Conheça seu cliente
Há quem pense que o negócio está posicionado para atender a toda e qualquer pessoa. No entanto, por mais diversificada que seja a oferta, isso não é possível. Procure saber se sua companhia atrai os consumidores que deseja. Faça uma análise de mercado completa que indique características como classe social, gênero e faixa etária.

Ao identificar as pessoas com o perfil ideal, é preciso identificar os lugares em que a faixa etária é mais interessante para o negócio, saber se o potencial mercado está em um bairro mais residencial ou comercial, entre outras coisas. Faça um exercício e pergunte a si mesmo se a sua empresa tem práticas certeiras para saber quem são e onde estão seus potenciais consumidores.

5 - Invista em treinamentos
O essencial para que as práticas acima sejam bem sucedidas é investir em treinamento de sua equipe. Nenhuma dessas dicas funciona sem pessoas para compreendê-las. Para se ter uma ideia de como isso tem sido importante para empresas que já utilizam soluções de geomarketing, o bônus dos colaboradores responsáveis pela previsão de novas unidades está diretamente relacionado ao sucesso e rentabilidades das lojas.

Ou seja, ao interpretar os dados e prever onde deve ser alocada uma nova unidade, é possível prever seu sucesso com base nas informações fornecidas pela ferramenta e histórico das demais lojas. Se ao final de um período suas previsões se concretizarem, ele ganha a bonificação.

Geomarketing

Leia também: 6 pontos em que o Geomarketing pode ajudar a sua empresa. Dica do Mundo do Marketing Inteligência.

Geomarketing | Marketing | Dicas

Por: Pedro Figoli

CEO da Geofusion, empresa de Inteligência Geográfica de Mercado


Comentários


Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2018.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss