Acessibilidade na Web, bom para as marcas e melhor para os usuários | Mundo do Marketing

Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Artigos

Acessibilidade na Web, bom para as marcas e melhor para os usuários

No Brasil, dados do IBGE apontam que mais de 45 milhões de pessoas declaram ter algum tipo de deficiência e é preciso pensar em como tornar a internet um lugar melhor para eles

Por | 15/04/2019

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

Falar em acessibilidade na web é falar na garantia do acesso livre a informações, atividades, produtos, serviços online, a todas as pessoas, independente de suas habilidades físico-motoras ou perceptivas. E as Diretrizes de Acessibilidade ao Conteúdo da Web (WCAG) foram criadas para garantir esse acesso.

No Brasil, dados do IBGE apontam que mais de 45 milhões de pessoas declaram ter algum tipo de deficiência, deste número, 500 mil são cegos e mais de 5 milhões possuem alguma deficiência visual.

A acessibilidade na web é um tema discutido mundialmente e, recursos e programas destinados a facilitar o cotidiano dessas pessoas em empresas e indústrias são cada vez mais necessários. Algumas pesquisas realizadas com deficientes visuais pelo WebAIM revelaram que 90% das pessoas que usam leitores de tela o fazem devido a uma deficiência, sendo a principal razão os problemas de visão (cegueira 76%, baixa visão / deficiente visual 20%), 72,9% deles são usuários avançados da internet e 50,8% trabalham em indústrias e empresas. Ambientes aonde algumas ferramantes são extremamente imprescindíveis.

Hoje, muitos programas disponíveis não oferecem recursos de acessibilidade. E se oferecem, eles vêm em algum pacote premium. Se a Web for realmente para todos, acredito que a capacidade de criar conteúdo acessível pela Web deve ser mais fácil de encontrar, usar e implementar.

No ambiente de trabalho, por exemplo, se você precisa melhorar a acessibilidade para gráficos, infográficos, painéis ou até mesmo publicações do Facebook, já é possível utilizar o Infogram, que hoje conta com recursos que permitem criar conteúdo compatível com WCAG 2.0 e pode ajudar usuários e desenvolvedores a oferecer sites melhores e totalmente acessíveis. Veja alguns recursos do Infogram:

1. Tornar o conteúdo visível para os leitores de tela
Os leitores de tela permitem que usuários cegos ou deficientes visuais leiam o texto exibido em uma tela de computador com um sintetizador de voz ou uma exibição em braille.

O Infogram permite que qualquer pessoa crie infográficos, slides, painéis, relatórios, mapas e inúmeros outros projetos que são visíveis para os leitores de tela. Esse recurso está disponível em mais de 25 idiomas, que poderá expandir o alcance de uma organização,  e permite que mais pessoas, com diferentes idiomas também possa entender o está na tela.

2. Navegar pelo conteúdo publicado com controles do teclado
Muitos usuários dependem de um teclado em vez de um mouse para navegar em sites. Indivíduos cegos, com limitação de movimento ou habilidades motoras, ou incapazes de usar as mãos, podem usar teclados tradicionais ou modificados. Os atalhos de teclado fornecem uma maneira alternativa de navegar e interagir com gráficos, mapas, texto, vídeos e integrações.

O Infogram permite a navegação pelo teclado com guias, legendas, barras de pesquisa de tabela, texto / imagens / ícones com hiperlink, ícones de mapa e botões de reprodução de vídeo.

3. Aprender princípios de design simples para melhorar a legibilidade
Essa é uma dica para desenvolvedores de site:

  • Use títulos e legendas para criar grupos de conteúdo relacionado. Isso permite que o conteúdo seja distribuído de uma maneira que facilite a navegação em um site.
  • Use temas e combinações de cores compatíveis com daltônicos e evite cores muito brilhantes ou sem brilho.
  • Crie designs para todos os tamanhos de viewport para garantir que seu conteúdo possa ser visualizado em laptops, tablets ou telefones celulares
  • Torne os elementos interativos, como tabelas e gráficos, fáceis de encontrar e navegar
  • Complemente seu texto com imagens, vídeos ou gravações de voz
  • Torne o texto significativo ao usar hiperlinks. Não diga apenas coisas como "clique aqui" ao aplicar um hiperlink

Todos merecem ter acesso e aproveitar a rede. O benefício não é apenas do usuário, é da marca também, pois conseguirá ampliar seu alcance e reconhecimento.

Por: Paloma Benito

Gerente de Marketing do Prezi para América Latina


Comentários


Inteligência Inteligência

Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2019.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2019. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss