Artigos

Publicidade
Publicidade

Meias do bem: a nova moda

Um estudo que vale para todo tipo de negócio

Por Marina Pechlivanis - 08/08/2014

Um par de meias limpinho traz conforto, dignidade e — preste muita atenção! — negócios sustentáveis.

A americana Mitscoots, que vende meias no modelo de e-commerce, usa o conceito de “socks with a mission: get + give + employ”. Para cada par vendido, um par idêntico é doado para pessoas em necessidade nos Estados Unidos. A empresa ainda oferece emprego para moradores de rua em parceria com comunidades por todo o país, tornando mais sustentáveis os processos de embalagem e logística dos produtos. Os empreendedores são o casal Tim e Agata Scott, de Austin, Texas. Um case admirável de Gift Economy:

No Brasil, uma outra iniciativa associada a meias está fazendo a diferença para a população carente.

Com o mote: “você doa suas meias usadas, nós vamos transformar em cobertores para doação”, a iniciativa #meias do bem da Puket já distribuiu cerca de 2.200 cobertores, teve 11 instituições beneficiadas e está se transformando em um exemplo de causa nas redes sociais, angariando espaços na mídia e engajando diversas celebridades.

Para colaborar com esta ação sem fins lucrativos que começou em 2013, vale doação de todo tipo de meia que seria naturalmente descartada: rasgada, de um pé só, desbotada. Cada 40 pares equivalem a um cobertor e a um par de meias novinho. Confira os locais de doação:

Simples meias que oferecem soluções inteiras!

Que tal se inspirar nestas ideias e tornar seu business mais gifted?

Por: Marina Pechlivanis

Autora dos livros Gestão de Encantamento: Dicas Mágicas e Gestão de Encantamento2: como a mágica acontece, entre outros 20 títulos. Mestra em Comunicação e Práticas de Consumo. Palestrante. Sócia da Umbigo do Mundo Comunicação. Criadora da Metodologia Matriz da Excelência Gestão de Encantamento. Professora do curso de extensão Gestão de Encantamento, na ESPM