Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Artigos

9 temas e tendências do SXSW

Ao apontar tendências, evento cria uma espécie de bola de cristal para diversas indústrias. Artigo reúne os assuntos centrais que impactarão processos e serão apostas no mercado

Por | 12/03/2018

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

Nas ruas de Austin, no Texas, o vai e vem é frenético. Pessoas de todo o mundo se adiantam para chegar àquela palestra incrível ou para aproveitar ativações de marca mais caprichadas. As fotos pipocam no Instagram, a timeline do Twitter parece mais dinâmica do que nunca - tudo porque o SXSW não conhece o verbo parar.

A precisão do South by Southwest ao apontar tendência faz do evento uma espécie de bola de cristal para diversas indústrias. O processo que leva a apostas tão certeiras está para os consultores assim como a fórmula da Coca-Cola está para a indústria de refrigerantes.

O grande segredo do SXSW é seu amplo raio de ação. Ele não se restringe a ser um evento disso ou daquilo, e abraça tudo o que couber no conceito de criatividade, independente de onde e como essa criatividade é expressa.

Estamos diante do turbilhão de sinais do SXSW! Eles pautam o futuro dos próximos dois a cinco anos. E esses são alguns dos temas que vamos ver no SXSW 2018:

1. Ativismo e impacto social
O SXSW prima pela diversidade e faz questão que as minorias tenham voz no festival. Esse ano, a presença delas vai além dos temas colocados em discussão. Vários países estão representados, há palestrantes de grupos minorizados, além de atividades que apresentam às empresas meios de criar competências relacionadas à condução de diálogos com grupos diversos, bem como à habilidade de trazê-los para a mesa de decisões.

Em 2017, como comentamos, no Trends Report SXSW, o questionamento do festival voltou-se para a maneira como a indústria empatizava e dialogava com minorias. Esse ano, tomando os palestrantes como ponto de partida, os olhares devem se voltar para o ativismo em si, elucidando rotas para que ele ultrapasse as questões de representação e diversidade, lançando essas pessoas no campo das decisões. Resta saber se nossas empresas darão voz a elas.

2. Futuro da comunicação
No SXSW 2017, a pauta girou em torno da pós-verdade e do combate às fake news, além da crise de confiança nas grandes instituições. Esse ano, parece haver uma predisposição de instituições - empresas, imprensa, instituições religiosas e governos - a discutir novas soluções e possibilidades da comunicação. Isso vai além das discussões sobre escolhas de plataformas nas estratégias de mídia. O mercado está fazendo uma ressignificação completa, questionando todos os players a respeito de sua área de atuação.

Vivemos uma crise de identidade midiática, que se agrava quando começamos a questionar o conceito de comunicação no mundo pós-telas. No SXSW 2018, o tema entra em pauta em sessões que tratam de realidade mista, interfaces por voz, aplicações criativas de inteligência artificial.

3. Mobilidade e self-driving cars
Os carros autônomos estavam em pauta no SXSW 2015. Em 2017, no Trends Report, já falávamos em transportes coletivos autônomos e drones. Agora, os olhos se voltam para blockchain e inteligência artificial como ferramentas para soluções urbanas. Fala-se menos na cidade, para focar no cidadão - no usuário, em vez de consumidor. Essa mudança de ótica e como isso se reflete nas cidades ultrapassa a indústria da mobilidade.

4. Colonização do espaço
As viagens espaciais estão de volta aos cinemas e, cada vez mais, a realidade e o futuro que se desenha para ela inspira a ficção científica. Como sempre, a NASA estará no SXSW, contando o que tem feito e revelando possibilidades. Esse ano, no entanto, marca a perda de seu monopólio sobre o tema. Algumas empresas privadas também estarão no festival, mostrando que apostas ambiciosas, como turismo espacial e colonização de Marte, são cada vez mais viáveis. As novas perspectivas para a corrida espacial ganharam força quando o Falcon Heavy, superfoguete comercial da SpaceX, foi lançado com sucesso.

Made In Space, que usa impressão 3D para fabricar ferramentas usadas por astronautas na Estação Espacial Internacional (ISS), participará do SXSW 2018 e contará um pouco sobre as empresas que fazem parte da nova onda espacial.

5. Governos conectados
Os últimos anos têm trazido muitos questionamentos políticos, e, já há algumas edições, o SXSW abriu seus palcos para discussões sobre tema. Esse ano, enquanto as instituições estão em crise e a democracia vem sendo tema de reflexões, a tecnologia vem se mostrando um auxílio importante para governança, trazendo esperanças de servir como ferramenta na construção de um futuro mais justo.

Temas relacionados a política e a engajamento político afetam todos os mercados; eles fazem parte da agenda do SXSW, sendo debatidos por jornalistas, publicitários, além de representantes do governo e de outras instituições.

6. Saúde e tecnologia
Saúde e tecnologia é um dos temas mais discutidos no SXSW 2018, seja na track dedicada ou transversalizando em oficinas e sessões do festival. A movimentação é um reflexo da iminente transferência do poder das grandes empresas da área de para as mãos das pessoas.

Google, Ideo, Dell são algumas das empresas aproveitando o movimento do mercado para criar soluções voltadas para o setor. Some-se a isso questões éticas e discussões do futuro da medicina e da saúde, em que se destacam nomes de peso como Singularity University e MIT. Tudo isso está na pauta desse ano, e analisaremos como cada ponto repercutir na realidade brasileira.

7. Blockchain (e mais blockchain!)
Blockchain já era um assunto falado aqui e ali; esse ano, ele começa a mostrar sua força e importância. Trata-se de uma tecnologia capaz de transformar as relações de poder e mexer com todas as indústrias. Só falta saber qual o tamanho do impacto e as consequências que ele pode gerar.

Ultrapassando a fronteira do Bitcoin, vamos ouvir o que os líderes da Ethereum têm para contar w participaremos de workshops, além de explorar o mundo das dApps (aplicativos descentralizados).

8. VR / AR
A tecnologia mais discutida há três anos, ainda gera buzz no SXSW, mostrando como os olhares sobre um tema se transformam e criam novas vertentes. Apostamos em realidade aumentada no Trends Report de 2017. Esse ano, teremos novos elementos para análise, como a produção volumétrica e a divulgação dos primeiros sinais de ROI positivo. Entre as empresas presentes, destaque para a Oculus e o parque temático The Void, que mescla tecnologias e estrutura física.

9. Tecnologias de voz
Mais um assunto recorrente que, esse ano, surge com mais força na pauta, em função dos avanço da inteligência artificial, que tem a tecnologia de voz como um recurso importante na interface com o usuário.

Soluções até recentemente impossíveis começam a se tornar usuais nas indústrias, graças às possibilidades criadas pelo deep learning. Os reflexos estão em todos os lugares, do governo às residências, onde bots domésticos são encarregados de dar lembretes e recados. Os debates éticos em torno do tema estão no SXSW 2018, lado a lado com discussões sobre aplicações e formatos, possibilidades e engrossam os assuntos em torno das interfaces de voz trazidas nos anos anteriores.

A agenda da White Rabbit está online, e você pode ficar a par de tudo que estamos vendo. Se estiver em Austin, pode colocá-la no seu app SXSW Go. Enquanto estivermos no festival, nosso time de curadores trarão alguns dos insights para essa você aqui no Mundo do Marketing!

 

Por: Luciana Bazanella

Co-fundadora da White Rabbit e idealizadora do projeto Trends Report SXSW 2018


Powered by Postcron

BUSCADOR DE HASHTAGS PARA SEUS POSTS





Comentários


Publicidade

Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2018.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss